sicnot

Perfil

Opinião

"Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"

"Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"

Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

  • Temer não se demite mesmo que seja constituído arguido
    1:44

    Mundo

    Michel Temer diz que não se demite, nem que seja constituído arguido. Em entrevista à Folha de São Paulo, o Presidente brasileiro volta a garantir que não autorizou qualquer suborno. Enquanto isso, nas ruas do Brasil, milhares de pessoas exigem que o Presidente abandone o cargo.

  • Testemunha no processo Lava-Jato filmado a sair do Brasil
    3:30

    Operação Lava Jato

    O Presidente do Brasil, Michel Temer, quer que o Supremo Tribunal brasileiro suspenda o inquérito de que é alvo, por considerar que as gravações que o incriminam de corrupção foram manipuladas. Uma decisão sobre esse recurso deve acontecer na quarta-feira, mas o tribunal já disse que o registo existente é legal. Entretanto, o jornal brasileiro Hoje divulgou imagens exclusivas da saída do país do empresário Joesley Batista que assinou um acordo para colaborar na investigação do caso Lava Jato.

  • Mais de 1600 ações de fiscalizações a IPSS em dois anos
    1:05

    Expresso da Meia Noite

    Nos últimos dois anos, o Estado efetuou mais de 1600 ações de fiscalização a Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) das quais resultaram mais de 70 destituições e 80 participações ao Ministério Público (MP). Os números foram avançados pela secretária de Estado da Segurança Social, Cláudia Joaquim, no programa Expresso da Meia-noite, na SIC Notícias.

  • Bombeiro ferido nos fogos de Pedrógão Grande regressou a casa
    2:33

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Seis meses depois dos incêndios de Pedrógão Grande, regressou a casa o último dos bombeiros de Castanheira de Pera que estava internado desde junho. Rui Rosinha esteve em coma mais de dois meses e tem ainda pela frente uma longa recuperação. O bombeiro não quer que o país esqueça o que aconteceu e espera que as duas tragédias deste ano (fogos de junho e outubro) sirvam de lição para o futuro.

  • Pedrógão Grande, seis meses depois - documentário Expresso
    0:29
  • Frio no fim de semana, regiões do interior podem chegar aos -5 °C
    1:23
  • Ilhas Selvagens são um tesouro no Atlântico que é preciso preservar
    2:33