sicnot

Perfil

Opinião

Manual de instruções para perceber um partido à procura de um líder



1. O aparelho deve ser tratado com cuidado; Deve ser visitado periodicamente, sobretudo para quem aspira a ser candidato a líder;


2. O telefone deve ser sempre atendido, para receber pedidos de favores, cunhas para lugares, ajuda para os amigos ou filhos de amigos;


3. A memória deve ter um back-up para que, nas horas de escolher, ninguém se esqueça do passado, de quem apoiou quem contra quem, quem esteve ao lado de quem e quem tramou quem;


4. O melhor cartão de visita para a liderança é saber escolher, não as pessoas certas para os lugares certos, mas aqueles que podem trazer cestos cheios de votos.


5. Saber fazer compromissos privados sem perder a face pública; dar uma ajuda aqui e ali, prometer um lugar de deputado, candidato a presidente de câmara ou vereador, presidente da junta ou assessor;


6. Escolher bem os inimigos. Num partido grande, há sempre os que não são a favor de ninguém, mas são sempre contra alguém;


7. Ter paciência. Saber esperar o momento certo é uma virtude. Ou, melhor, ser frio, calculista, tacticista e cínico.


8. Fazer contra informação. Mandar os amigos espalharem outros nomes, queimarem candidaturas, testarem nomes na praça pública.


9. Ter canais abertos para passar mensagens em nome próprio, mas vindas de "fonte próxima".


10. Sorrir e acenar. O programa político, que em regra ninguém lê, é o menos importante.

  • PS volta a subir nas intenções de voto, PSD é o que mais perde
    1:51