sicnot

Perfil

Opinião

"Sem jovens e com a dívida acumulada, qual é o futuro deste país?"

"Sem jovens e com a dívida acumulada, qual é o futuro deste país?"

Miguel Sousa Tavares analisou esta terça-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, a mensagem de Natal do primeiro-ministro. O comentador da SIC gostou da mensagem e concordou com várias coisas que António Costa disse, como ter políticas para a ocupação do interior e ter uma política série de reordenamento florestal. Para Miguel Sousa Tavares, o principal da mensagem foi o primeiro-ministro dizer publicamente que a prioridade agora deve ser "dar emprego a quem o perdeu" e criar condições para que os jovens não voltem a ter de sair de Portugal.

  • "Não creio que tenha sido Ronaldo a congeminar um esquema para pagar menos impostos"
    1:45

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta terça-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o caso de Cristiano Ronaldo e o fisco espanhol. O responsável pela Unidade Central de Coordenação do Tesouro disse que o jogador devia cumprir pena de prisão e, para o comentador da SIC, esta é uma "sentença antecipada, que o senhor obviamente não pode dar", porque o julgamento ainda está a decorrer. Miguel Sousa Tavares disse ainda que caso se prove que o jogador fugiu ao fisco, acha "muitíssimo mal, porque quem ganha o que ele ganha por ano, não pode fugir ao fisco".

  • "O que está em jogo é uma luta ancestral muito antiga na Igreja"
    4:37

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta terça-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o facto de quase um quarto dos bispos do Colégio dos Cardeais considerar que o Papa se aproxima da heresia. Para o comentador da SIC, "a heresia é quando alguém intencionalmente contesta a verdade estabelecida pela Igreja".

  • "Os partidos não têm dinheiro para a atividade que desenvolvem"
    2:35

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta terça-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, a alteração ao financiamento dos partidos. Para o comentador da SIC, os partidos "não têm dinheiro suficiente" para a atividade que desenvolvem. Miguel Sousa Tavares não concorda que não haja um limite para a angariação de fundos e que possam beneficiar da devolução do IVA "seja qual for a coisa que organizarem".

  • Carlos César admite diálogo "mais fácil" com PSD de Rio
    1:36

    País

    O presidente e líder parlamentar do PSD diz que o partido não precisa de novos aliados, mas acredita que vai ser mais fácil dialogar com o PSD liderado por Rui Rio, Carlos César visitou esta segunda-feira as regiões afetadas pelos incêndios do ano passado, no primeiro dia das jornadas parlamentares dos socialistas.

  • Papa pede perdão a vítimas de abusos por ter usado expressão "menos feliz"
    1:21

    Mundo

    No final da visita à América Latina, já no avião de regresso a Roma, o Papa Francisco pediu desculpa às vítimas de abusos sexuais no Chile. O líder da Igreja católica considerou que utilzou uma expressão menos "feliz" quando saiu em defesa do bispo Juan Barros, exigindo "provas" a quem o acusa de não ter agido.

  • Os três pontos de Ronaldo
    1:16
  • Decifrado pergaminho encontrado há 50 anos

    Mundo

    Investigadores israelitas reconstituíram e decifraram um dos dois manuscritos de pergaminhos do Mar Morto que nunca tinham sido interpretados desde que foram descobertos há meio século, anunciou a universidade israelita de Haifa.

  • Refeição de 1.100 euros em Veneza

    Mundo

    O centro de Veneza oferece os mais variados restaurantes. Com menu obrigatório, sem menu, com taxas, sem taxas, sentando ou em pé. Depois há aqueles restaurantes que cobram 1.100 euros por cinco pratos acompanhados por água. O caso aconteceu com quatro turistas japoneses, que depois de pagarem a conta, apresentaram queixa às autoridades. O presidente da Câmara da cidade italiana já disse que ia investigar a situação e, caso se confirmasse, prometeu que iria castigar os responsáveis.

    SIC