sicnot

Perfil

Bagão Félix

Bagão Félix propõe que titulares de cargos divulguem declaração de rendimentos

Bagão Félix propõe que titulares de cargos divulguem declaração de rendimentos

A propósito da polémica dos contribuintes VIP, Bagão Félix propôs, esta quarta-feira, na SIC Notícias, que os titulares de cargos políticos passem a tornar públicas as declarações de rendimentos. O comentador da Edição da Noite considerou a existência da lista um disparate.

  • Alegada lista VIP de contribuintes já provocou uma demissão

    Economia

    A existência ou não de uma lista VIP de contribuintes começou por ser falado a 11 de março num debate quinzenal no parlamento e em poucos dias foram diversas as notícias em torno do caso, que motivou já uma demissão na Autoridade Tributária (AT). O diretor-geral da AT, António Brigas Afonso, demitiu-se esta quarta-feira, e o primeiro-ministro veio já dizer que o responsável "fez bem" em apresentar a demissão, manifestando ainda que mantém a confiança política no secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio.

  • Diretor-geral demissionário admite que lista VIP foi estudada
    2:15

    Economia

    Afinal, a polémica lista VIP não era apenas imaginação e já fez uma baixa: o diretor-geral da Autoridade Tributária demitiu-se esta quarta-feira. Na carta de demissão, Brigas Afonso admite que a medida foi estudada mas insiste que nunca chegou a sair do papel. Tudo isto no dia em que a revista Visão revela as gravações onde um alto funcionário do Fisco diz que a lista existe e foi utilizada.

  • "Quem não deve não teme"

    Football Leaks

    O futebolista português Cristiano Ronaldo, questionado sobre a sua alegada fuga ao fisco veiculada pela investigação "Football Leaks", disse que "quem não deve não teme", numa reação difundida esta quinta-feira pela rádio espanhola Onda Cero.

  • Cerca de 150 civis doentes retirados de Alepo

    Mundo

    Cerca de 150 civis, a maioria doentes ou deficientes, foram retirados na noite de quarta-feira para quinta-feira de um centro de saúde de Aleppo, na parte mais antiga da cidade tomada pelo exército sírio, anunciou a Cruz Vermelha internacional.