sicnot

Perfil

José Gomes Ferreira

José Gomes Ferreira comenta reforço do capital do Novo Banco

José Gomes Ferreira comenta reforço do capital do Novo Banco

José Gomes Ferreira

José Gomes Ferreira

Diretor-Adjunto de Informação SIC

José Gomes Ferreira comenta reforço do capital do Novo Banco. Os contribuintes poderão assumir 400 milhões para reforçar o banco. A operação ficará concluída até ao fim do mês.

  • BCE quer reforço de capital no Novo Banco de 1400 ME até agosto
    1:21

    Economia

    A administração do Novo Banco entrega hoje o Plano de Capitalização exigido pelo Banco Central Europeu. Para reforçar os rácios em 1400 milhões de euros, Stock da Cunha vai apostar na reestruturação, mas a venda do banco é determinante. Ao que a SIC apurou, poderá ser alienada apenas uma parcela da instituição, mas a intenção é fazer com que um novo parceiro fique com o controlo acionista.

  • Ricciardi diz que é pouco provável que Haitong Bank queira comprar Novo Banco
    1:29

    Queda do BES

    O presidente do Haitong Bank, antigo BES Investimento, não revela se o grupo chinês tem ou não intenção de comprar o Novo Banco. Questionado pelos jornalistas no Forum Empresarial do Algarve, o empresário chinês não quis abrir o jogo. Já José Maria Ricciardi, presidente executivo do banco, diz que é pouco provável que o grupo chinês queira entrar na corrida à compra do antigo BES.

  • Cinco mortos provocados pelo tufão Hato em Macau
    1:13
  • Prestação da casa aumenta pela primeira vez desde 2014
    1:17

    Economia

    Pela primeira vez em três anos, as taxas de juro do crédito à habitação, estão a subir. A subida é de apenas 1 euro, mas é a primeira desde 2014, depois de em maio deste ano ter estabilizado e em junho ter descido. A justificação para este aumento é a evolução das taxas euribor.

  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • "Burlão do amor" acusado de tirar 450 mil euros a amante
    2:21

    País

    Um homem com cerca de 50 anos é acusado de tirar 450 mil euros a uma mulher com quem começou por ter uma relação profissional. Ele pedia, ela emprestava. Anos depois, ela ficou insolvente, com dívidas à banca de 214 mil euros e sem emprego. O homem é arguido, nega a relação amorosa entre ambos, mas admite ter recebido dinheiro dela. Garante, no entanto, que tenciona pagar o que deve.