sicnot

Perfil

José Gomes Ferreira

"Estamos numa situação em que ninguém esclarece os portugueses"

"Estamos numa situação em que ninguém esclarece os portugueses"

José Gomes Ferreira

José Gomes Ferreira

Diretor-Adjunto de Informação SIC

Banqueiros, políticos, uma consultora que nunca viu problemas nas contas do BES e a televisão que anunciou em exlusivo que o Banif ia fechar portas, organizaram em conjunto uma conferência sobre a banca que está a gerar polémica. O banif parece ter sido tema Tabu na sala e nunca foi mencionado. José Gomes Ferreira diz que é tempo para tentarmos interpretar o que se passa na banca portuguesa.

  • Banif fora de debate em conferência sobre setor financeiro português
    2:55

    Banif

    Realizou-se hoje uma conferência para debater o presente e o futuro do setor financeiro em Portugal. Este encontro que foi organizado pela consultora KPMG que nunca viu problemas nas contas do BES, por uma Associação de Bancos que viu dois bancos deixarem uma fatura astronómica para os contribuintes pagarem e por uma televisão que anunciou, em exclusivo, que o Banif ia fechar portas, o que terá levado ao pânico dos depositantes, que retiraram imediatamente o dinheiro do banco. Durante quase dez horas de conferência nenhum dos intervenientes abordou o tema Banif.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.