sicnot

Perfil

Miguel Sousa Tavares

"O Presidente está a exigir coisas que sabe que António Costa não pode dar"

"O Presidente está a exigir coisas que sabe que António Costa não pode dar"

Miguel Sousa Tavares analisa, no Jornal da Noite, as exigências feitas pelo Presidente da República, Cavaco Silva, para indigitar o secretário-geral do PS, António Costa, como primeiro-ministro.

  • As seis exigências de Cavaco para um governo de esquerda
    1:41

    Novo Governo

    Cavaco Silva só dá posse a um governo liderado por António Costa se houver uma clarificação dos acordos com os restantes partidos de esquerda. O Presidente da República abriu caminho para um possível executivo socialista, mas deixou várias exigências. A esquerda terá de garantir a aprovação de moções de confiança e dos Orçamentos do Estado, o cumprimento das regras de disciplina orçamental e o respeito pelos compromissos internacionais.

  • As exigências de Cavaco Silva
    7:40

    Opinião

    O editor de Política do Expresso considera que o Presidente da República já tomou a decisão de indigitar António Costa como primeiro-ministro. Para Bernardo Ferrão, Cavaco Silva apenas quer que António Costa assine um compromisso e que seja responsabilizado caso caia algum dos acordos com os partidos de esquerda.

  • Jerónimo acusa Cavaco de subverter Constituição
    0:57

    Novo Governo

    Jerónimo de Sousa acusa Cavaco Silva de subverter a Constituição. O secretário-geral comunista diz que as exigências feitas pelo Presidente da República a António Costa, para a criação do novo Governo, são mais uma tentativa de salvar a coligação PSD/CDS-PP.

  • Incêndio de Setúbal "quase dominado"
    4:04

    País

    O incêndio que deflagrou segunda-feira em Setúbal está "quase dominado", segundo informações da presidente da Câmara. Maria das Dores Meira diz que não há feridos a registar e que os habitantes já vão regressando a casa. Para ajudar no combate ao fogo foram enviados meios de Lisboa.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.