Última Edição

1
0:05

Última Edição

2
1:35

Portugal entre os cinco países da UE com maior queda na taxa de desemprego

3
2:00

Idoso ferido com gravidade por disparos de vizinho no Pinhão

4
1:54

Taxas no Aeroporto de Lisboa sobem 7,56%

5
1:45

Nova legislação para cobrança de pequenas dívidas em vigor a 1 de setembro

6
2:38

Seis praias algarvias recebem areia para afastar turistas das zonas em risco

7
1:33

Pulseiras para localizar crianças vão ser usadas em doentes de Alzheimer

8
2:44

Líder dos separatistas em Donetsk anuncia abertura de corredor humanitário

9
0:58

Vulcão Bardarbunga obrigou a alerta vermelho na Islândia

10
0:42

Ban Ki Moon pede libertação imediata e sem condições dos capacetes azuis

11
0:38

Secretário-geral da ONU apela a negociações entre Rússia e Ucrânia

12
1:37

PSP garante dispositivo de segurança para o Benfica-Sporting

13
0:46

Jesus espera dérbi intenso e diz que Enzo Pérez está recuperado

14
0:34

Cristiano Ronaldo dedica prémio aos colegas de equipa e à família

22:09 13.05.2012

Jovem português desaparecido no rio Danúbio em Budapeste, na Hungria

Um jovem estudante português, de 22 anos, está desaparecido há quase três dias depois de ter saltado para o rio Danúbio,  em Budapeste, disse à Lusa uma funcionária da embaixada de Portugal na capital da Hungria.

O incidente registou-se na madrugada da passada sexta-feira, às 05:30. 

Depois de sair de uma festa de estudantes Erasmus, o jovem português  -- bolseiro do Instituto Superior de Gestão --, acompanhado por um colega  francês, saltou para o rio Danúbio a partir de uma ponte no centro da cidade,  com "perto de dez metros", referiu a mesma fonte. 

O jovem francês escapou ileso ao mergulho e "está bem", mas o português  "continua desaparecido". Os dois rapazes estudavam em Budapeste e, segundo  a funcionária, "não se tratou de suicídio". 

Um homem não identificado que passeava na zona ligou para o número de  emergência quando os jovens ainda se encontravam na ponte, mas, quando a  polícia chegou ao local, "cinco minutos depois, eles já tinham saltado",  adiantou a funcionária diplomática. 

A família do jovem português chegou a Budapeste logo na sexta-feira  à noite e já esteve na polícia, que a levou ao local do incidente.  

As buscas prosseguem, com recurso a um barco com sonar, adiantou a funcionária  da embaixada portuguesa. 

Lusa

Comentários

ATENÇÃO:ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.
Publicidade

Agora

Facebook

Mais Populares

Comentários

Publicidade

Agora

Facebook

Mais Populares

País

Publicidade

Agora

Facebook

Mais Populares

CT: NEWS
X

Sabia que o seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência de navegação na nossa página web recomendamos que atualize para uma nova versão. Por favor faça a atualização aqui .