sicnot

Perfil

País

Luís Montenegro defende que Passos é "um líder sério" e "o mais bem preparado"

O líder da bancada social-democrata, Luís Montenegro, defendeu hoje que o presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, é "um líder sério" e "o português mais bem preparado para exercer as funções de primeiro-ministro nos próximos cinco anos". 

Luís Montenegro fez estas afirmações na sessão de encerramento das jornadas parlamentares do PSD, suscitando um aplauso prolongado, embora não de pé, dos deputados sociais-democratas a Pedro Passos Coelho, que iria intervir em seguida. 

A sessão de encerramento das jornadas do PSD, realizadas numa sala da Alfândega do Porto, contou com a presença, na primeira fila da assistência, do líder parlamentar do CDS-PP, Nuno Magalhães.

Na sua intervenção, o líder parlamentar do PSD defendeu que a atual governação resultou em "estabilização financeira" e "transformação económica", que Portugal deixou para trás a "fase de emergência" e está agora numa "fase de crescimento responsável".

Segundo Luís Montenegro, os sociais-democratas estão, por isso, "muito otimistas" em relação ao julgamento dos portugueses nas eleições legislativas deste ano, esperando obter "pelo menos a mesma força" de há quatro anos ou "ainda um reforço dessa força eleitoral".

Em seguida, o líder parlamentar do PSD elogiou a liderança de Passos Coelho: "É verdade que temos uma equipa, é verdade que temos um projeto, e é também muito verdade que temos o líder desse projeto. Temos um líder sério, temos um líder competente, temos um líder determinado, temos um líder com sentido de Estado. E temos sobretudo um líder muito bem preparado". 

"Eu não tenho dúvidas em dizer aqui aos deputados, aos autarcas do PSD, mas também aos portugueses que o português mais bem preparado para exercer as funções de primeiro-ministro nos próximos cinco anos se chama Pedro Passos Coelho", acrescentou.

 
Lusa
  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.