sicnot

Perfil

País

Pentágono organiza reunião sobre base das Lajes

O Pentágono organiza, esta sexta-feira, uma reunião com funcionários do Congresso dos Estados Unidos ligados à questão da Base das Lajes, nos Açores, segundo fonte da Câmara dos Representantes norte-americana.

(AP/ Arquivo)

(AP/ Arquivo)

LIONEL CIRONNEAU / AP

"Não sabemos se vai haver nova informação. [O Pentágono] quer discutir os resultados da reunião de Lisboa e o que podem significar para as Lajes", disse fonte da Câmara dos Representantes à Lusa.

A fonte refere-se à reunião da comissão bilateral permanente Portugal/Estados Unidos, que aconteceu no início de fevereiro em Lisboa.

Segundo o Governo Regional dos Açores, a reunião resultou em orientações para se intensificarem os contatos entre Portugal e EUA, ao nível das comissões técnica e laboral, e de altos responsáveis de ambos os governos.

A próxima reunião desta comissão acontecerá entre maio e junho e terá lugar em Washington, segundo o ministério dos Negócios Estrangeiros.

A 08 de janeiro, o secretário da Defesa dos Estados Unidos, Chuck Hagel, anunciou a redução de 500 efetivos da base aérea portuguesa nas Lajes. No mesmo dia, o embaixador norte-americano em Lisboa, Robert Sherman, explicou que o objetivo é reduzir gradualmente os trabalhadores portugueses de 900 para 400 pessoas ao longo deste ano e os civis e militares norte-americanos passarão de 650 para 165.

Na altura, os congressistas do Portuguese Caucus, o grupo que defende os interesses de Portugal na Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, garantiram que iam continuar a lutar pela manutenção da presença americana na Base das Lajes.

"Os congressistas e senadores continuam a explorar uma variedade de opções para manter as Lajes operacional e com todos os seus funcionários", indicou à Lusa a fonte da Câmara dos Representantes.


Lusa
  • Grafitter morre após cair do telhado da estação de Sete Rios
    0:57

    País

    Um grafitter morreu no sábado na estação intermodal de Sete Rios, em Lisboa. O jovem caiu de uma altura de seis metros, enquanto fazia um grafitti. As autoridades terão sido alertadas por um amigo, mas quando o INEM chegou o jovem de 21 anos já estava morto.

  • Incêndio em empresa na Anadia não teve origem criminosa
    2:01

    País

    O incêndio de sábado numa fábrica de capacetes em Anadia causou estragos de perto de um milhão de euros. A empresa vai retomar a laboração já esta segunda-feira, mas só daqui a um mês é que deverá estar a trabalhar em pleno. As autoridades afastaram a possibilidade de origem criminosa, apesar das peritagens ainda não terem revelado a causa do incêndio.

  • Vigília à porta da Autoeuropa contra novo horário
    1:13

    País

    Alguns trabalhadores da Autoeuropa fizeram este domingo uma vigília junto à fábrica, contra a imposição do novo horário de trabalho, que começa em fevereiro. Os trabalhadores estão contra essa obrigatoriedade e dizem que é ilegal porque não cumpre as 35 horas de descanso entre turnos.

  • Catarina Martins e os "fantasmas da direita passada"
    1:14

    País

    Catarina Martins diz que os fantasmas da direita estão de volta e referiu-se aos comentários feitos esta semana por Paulo Portas e Cavaco Silva. Este domingo, em Fafe, a líder do Bloco de Esquerda disse ainda que está preocupada com o esquecimento do interior e a necessidade de travar o eucalipto.