sicnot

Perfil

País

Cerca de 20 militares portugueses estavam no local do atentado no Mali

Cerca de 20 militares portugueses estavam no local do atentado no Mali

Cerca de 20 militares portugueses, que integram a força da ONU no Mali, estavam no restaurante, alvo do ataque que fez cinco mortos e nove feridos graves. No entanto, nenhum dos militares nacionais foi atingido.

  • Montenegro nunca será candidato contra Passos
    0:50
  • Dijsselbloem não comenta hipótese de ser substituído por Mário Centeno
    2:41

    Mundo

    Jeroen Dijsselbloem diz que cabe ao Governo português avançar com o nome de Mário Centeno para a presidência do Eurogrupo, mas não comenta a sondagem que foi feita ao ministro das Finanças português. Ouvido esta quinta-feira no Parlamento Europeu, o Presidente do Eurogrupo esteve no centro das críticas e reafirmou que não se demite.