sicnot

Perfil

País

PCP diz-se preparado para assumir todas as responsabilidades que o povo queira

O secretário-geral do PCP pediu hoje um reforço da CDU nas legislativas para uma "rutura com a política de direita", afirmando que os comunistas estão preparados para assumir todas as responsabilidades que o povo lhes queira atribuir.

MIGUEL A. LOPES

Num almoço comemorativo dos 94 anos do PCP, no Seixal, Jerónimo de Sousa dirigiu-se àqueles que dão razão ao seu partido, mas consideram que não tem "condições de chegar lá", e declarou: "Com mais apoios, o PCP tem condições de chegar lá para fazer aquilo que vocês anseiam e reivindicam. Aqui estamos, afirmando-nos prontos para assumir todas as responsabilidades que o povo nos queira atribuir, na efetivação de uma política patriótica de esquerda".

Na sua intervenção, o secretário-geral do PCP alegou que os comunistas não podem esperar "grande coisa da comunicação social", colocou o PS do lado das forças que "visam perpetuar a atual política" e acusou a maioria PSD/CDS-PP de esconder um plano de reforma do Estado para a próxima legislatura que implica "cortar mais nas reformas, mais nas pensões, mais nos direitos".

Lusa
  • Relatório pedido pelo Governo PSD-CDS já apontava falhas no SIRESP
    2:26
  • Santana Lopes rejeita responsabilidades nas falhas do SIRESP
    1:21

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Sobre o relatório do SIRESP, António Vitorino diz que há neste momento um passa culpas entre entidades que só vai contribuir para aumentar o receio das populações perante os incêndios. Pedro Santana Lopes, que era primeiro-ministro quando foi assinado o contrato da rede de comunicações, diz que não sente responsabilidades e defende que o importante é perceber o que há de errado com o SIRESP.

  • Chef russo aconselha bife tártaro aos jogadores portugueses
    1:29