sicnot

Perfil

País

Chuva vai afetar Portugal continental até ao final da semana

 A chuva vai afetar até ao final da semana o território de Portugal continental, tendo sido emitido pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera um aviso amarelo para quatro distritos, disse à Lusa o meteorologista Bruno Café.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

Reuters

Em declarações à agência Lusa, Bruno Café adiantou que, devido a uma depressão, está prevista chuva para o resto da semana, por vezes forte e acompanhada por granizo e trovoada.

"Hoje temos a aproximação de uma depressão ao território Portugal continental que tem um percurso de norte para sul ao longo da costa e depois vai ficar estacionária no sul do Algarve durante a quarta-feira", explicou.

De acordo com o meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), a depressão tem associada períodos de chuva ou aguaceiros, que poderão ser fortes de granizo e acompanhados de trovoada, principalmente na região sul e no litoral a sul do cabo Mondego já a partir do início da manhã de hoje.

Por causa desta situação, realçou Bruno Café, o IPMA emitiu aviso amarelo, o terceiro mais grave de uma escala de quatro, para os distritos de Lisboa, Setúbal, Beja e Faro, entre as 05:00 e as 21:00 de hoje.

"O aviso para Faro vai estender-se até às 23:59 de quarta-feira, dia em que se prevê que a precipitação tenha alguma intensidade. Na quinta e sexta-feira poderão ainda ocorrer aguaceiros, que serão nas regiões centro e sul, e depois a tendência é ir melhorando gradualmente", declarou.

No que diz respeito às temperaturas, o meteorologista adiantou que vão registar-se subidas e descidas, alternadas, até ao fim de semana.

"Hoje há uma pequena subida da mínima e descida da máxima e os próximos dias vão alternar as subidas e descidas. Na quinta e sexta-feira há uma subida gradual da temperatura", salientou.

De acordo com Bruno Café, hoje, as temperaturas máximas não vão além dos 15/16 graus Celsius, mas a partir de sexta-feira prevê-se 21/22 graus.


Lusa
  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19