sicnot

Perfil

País

Pinto da Costa apela à realização de exames para despistar problemas de coração

O presidente do FC Porto apelou hoje, no decorrer de uma conferência sobre morte súbita no desporto, que decorreu no museu do clube, a que todos os jovens façam exames para prevenir a ocorrência de problemas cardíacos.

(Arquivo)

(Arquivo)

Paulo Duarte / AP

Chamado a intervir após o encerramento de uma mesa redonda sobre o tema, na qual participou, entre outros, o médico dos 'dragões' Nelson Puga, Pinto da Costa, que contou com a companhia de Antero Henrique, diretor executivo do FC Porto, e Reinaldo Teles, administrador da SAD portista, deixou o repto.

"Acho que todos os jovens, sobretudo os que aqui estão, devem fazer os exames, devem ter cuidado porque prevenir é melhor do que remediar", alertou.

Recordando os problemas médicos que viveu há cerca de dois anos, o dirigente 'azul e branco' fez questão de agradecer a quem o "salvou".

"Costumo dizer que a 04 de setembro festejo o meu aniversário porque, há dois anos, ressuscitei nesse dia, pelas mãos do doutor Paulo Pinho e do professor [Filipe Macedo]", lembrou.

Antes disso, em tom divertido, explicou à plateia como descobriu a sua própria forma de fintar os problemas cardíacos.

"Um dia fui a um médico (...) que me perguntou: na sua família, alguém morreu de coração? Todos, respondi eu, mas, não se assuste, todos acima dos 80 anos. (...) Como dois dos meus irmãos tiveram uma morte súbita enquanto dormiam, resolvi tomar precauções: passar a deitar-me mais tarde e a levantar-me mais cedo, porque assim, quando ela passar, eu não estou na cama", brincou.

Durante o debate, Nelson Puga recordou as mortes de Pavão (em 1973), antigo jogador do FC Porto, e de Miklós Fehér (2004), que representava o Benfica, ambos falecidos no decorrer de jogos dos seus clubes, sublinhando que, se no primeiro caso, o óbito se deveu a uma miocardiopatia hipertrófica, no segundo o motivo não ficou claro.

"Daquilo que me chegou, foi uma autópsia branca [termo utilizado para designar uma autópsia inconclusiva]. Mas quando passou por aqui, não tinha nenhuma miocardiopatia, nem nenhuma patologia, porque tenho os exames guardados", garantiu.

O clínico disse ainda que, em matéria de prevenção deste tipo de situações, ainda se está "aquém da situação desejada", mas que espera que o cenário possa melhorar a curto prazo.

"A Associação Nacional de Médicos de Futebol tem desenvolvido um trabalho com a Liga de clubes, no sentido de passar a haver um procedimento comum que possa dar resposta a estas circunstâncias, e espero que no início da próxima época já se verifique", assegurou.









Lusa
  • O perfil do novo herói do surf português
    3:43
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • CGTP acusa PT de ilegalidades no dia da greve
    0:46

    Economia

    A CGTP pede a intervenção do Governo na PT. Esta quinta-feira, na SIC Notícias, Arménio Carlos acusou a empresa de estar a cometer mais uma ilegalidade, ao ter requisitado trabalhadores para cumprir serviços mínimos uma semana antes do permitido por lei.

  • Altice responde a António Costa
    1:33

    Economia

    A Altice respondeu ao Governo, na sequência das críticas de António Costa, lamentando que Portugal não reconheça a importância dos investimentos que o grupo faz no país. A dona da PT inaugurou esta quinta-feira um novo call center em Vieira do Minho e, na sexta-feira, está marcada uma greve geral dos trabalhadores da PT.

  • Protesto dos enfermeiros é "ilegal"
    2:37
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26

    Aqui há História

    Os baixios da barra do Tejo já foram cemitério de centenas de embarcações. Uma delas foi o Patrão Lopes, o navio de salvamento que saía para o mar quando todos fugiam das tempestades. Foram cinco dias em agonia até naufragar no Bugio, num caso que acabou na barra do tribunal. 80 anos depois, a SIC mergulhou no Patrão Lopes porque "Aqui Há História".

  • Sismo de magnitude 6.9 na Turquia

    Mundo

    Um forte sismo com magnitude 6.9 na escala de Richter fez-se sentir esta quinta-feira a sul da cidade turca de Bodrum. A informação foi avançada pela agência norte-americana de Geologia.