sicnot

Perfil

País

Pólenes em níveis muito elevados em Lisboa, Castelo Branco, Coimbra e Évora

Os pólenes encontram-se, de sexta-feira a 26 de março, muito elevados em Lisboa, Castelo Branco, Coimbra e Évora e elevados no Porto, em Portimão e Vila Real, informou esta quinta-feira a Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica.

De acordo com as previsões do boletim polínico semanal, os níveis de pólenes vão estar baixos no Funchal e em Ponta Delgada. (Arquivo)

De acordo com as previsões do boletim polínico semanal, os níveis de pólenes vão estar baixos no Funchal e em Ponta Delgada. (Arquivo)

REUTERS

De acordo com as previsões do boletim polínico semanal, os níveis de pólenes vão estar baixos no Funchal e em Ponta Delgada.

Os pólenes de cipreste, pinheiro, plátano e urtigas são os que estarão em quantidade mais elevada ou muito elevada.

A Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica passa a divulgar, todas as quintas-feiras, o boletim polínico, durante a primavera, estação propícia a alergias e que começa na sexta-feira, prolongando-se por 92,75 dias.  
Lusa
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.