sicnot

Perfil

País

Ocupante de viatura que caiu à ria de Aveiro encontrado morto

O ocupante da viatura que caiu hoje à ria de Aveiro, na zona de S. Jacinto foi encontrado morto, disse à Lusa fonte dos bombeiros.

O corpo do homem, com cerca de 55 anos, foi localizado pela equipa de mergulhadores dos Bombeiros Novos de Aveiro no interior da viatura acidentada.

"O senhor não conseguiu sair do carro, porque ainda tinha colocado o cinto de segurança", disse à Agência Lusa o segundo comandante dos Bombeiros Novos de Aveiro, João Naia.

O cadáver vai ser transportado para o Gabinete Médico-Legal de Aveiro, onde será submetido a autópsia.

O condutor da viatura acidentada era um homem de 63 anos, que conseguiu sair da água pelos próprios meios, tendo sido hospitalizado com sinais de hipotermia.

A viatura com duas pessoas caiu à ria, na sequência de um despiste ocorrido na Estrada Nacional 327.

O acidente ocorreu cerca das 14:30 junto ao parque de campismo de S. Jacinto.

Ao local acorreram os Bombeiros Novos de Aveiro, com uma equipa de mergulhadores, além de elementos da Polícia Marítima, do Instituto Nacional de Emergência Médica e da GNR.

Lusa
  • Negócios do fogo
    22:00
  • "Não podemos gastar o dinheiro e depois os filhos e os netos é que pagam"
    2:05

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o reembolso antecipado ao FMI. O comentador da SIC defendeu que seria mais vantajoso se Portugal reembolsasse mais depressa, antes da subida das taxas de juro. Miguel Sousa Tavares considerou ainda que o reembolso da dívida é uma boa notícia, pois seria "desleal" deixar a dívida para "os filhos e os netos" pagarem.

    Miguel Sousa Tavares

  • Os efeitos da tempestade Ana em Portugal
    1:43
  • Porque têm as tempestades nomes?
    0:49

    País

    As tempestades passaram a ter um nome, partilhado pelos serviços de meteorologia de Portugal, França e Espanha. Nuno Moreira, chefe de divisão de previsão meteorológica do IPMA, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias para explicar que este método é também uma forma de sinalizar a dimensão das tempestades.

  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59

    Mundo

    A tempestade Ana não causou apenas estragos em Portugal, mas também na Galiza, com a queda de árvores e cheias nas zonas ribeirinhas. No norte da Europa, as baixas temperaturas provocaram fortes nevões e paralisaram a Grã-Bretanha, com voos cancelados, escolas fechadas e estradas cortadas.

  • "De repente ele estava em cima de mim a beijar-me e a apalpar-me"
    2:43