sicnot

Perfil

País

Vento forte condiciona movimentos no aeroporto da Madeira

O vento forte que se faz sentir hoje na zona do aeroporto da Madeira está a condicionar os movimentos das aeronaves, tendo um avião divergido já para Lisboa e outro para Porto Santo.

De acordo com a informação do aeroporto da Madeira, o voo TAP 1671 proveniente de Lisboa, "nem chegou a tentar a aterragem no aeroporto da Madeira", tendo divergido para a origem.

Um voo da Easyjet (EZY7601), proveniente de Lisboa, conseguiu aterrar depois de ter estado a sobrevoar a zona do aeroporto durante mais de uma hora, indicou a mesma fonte.

Segundo a mesma fonte, um avião da Transavia, vindo Amsterdão, divergiu para o aeroporto da ilha do Porto Santo.

A segunda-feira é um dia particularmente intenso em termos de movimentos de aterragens e descolagens no aeroporto da Madeira, com a região a receber muitos charters, provenientes de diversos locais. Ao todo, marcados para hoje, estão 74 movimentos.

A Região Autónoma da Madeira está hoje sob aviso amarelo devido à previsão de agitação marítima, com ondas de norte com 4 a 5 metros e vento forte com rajadas da ordem dos 70 quilómetros/hora.

O aviso amarelo, o terceiro mais grave de uma escala de quatro, é emitido pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) sempre que existe risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Também a Capitania do Porto do Funchal emitiu um aviso face à força do vento, que vai soprar entre os 51 e os 62 quilómetros por hora, de qualquer direção.

A autoridade marítima regional recomenda aos proprietários ou armadores das embarcações que tomem precauções, por forma a que estas permaneçam nos portos de abrigo.

Contactado pela agência Lusa, o Serviço Regional de Proteção Civil da Madeira informou que apesar das condições meteorológicas, não há registo de situações anómalas.

 

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC