sicnot

Perfil

País

Absolvida agente da PSP acusada de tortura

O tribunal absolveu hoje, em Lisboa, uma agente da PSP que estava acusada de ofensa à integridade física, abuso de poder e de tortura sobre duas mulheres, em 2011, por considerar que as acusações não ficaram provadas.

(SIC/ Arquivo)

Segundo o despachado de acusação do Ministério Público, a agente policial, de 33 anos, teria perpetrado os crimes a caminho e no interior da esquadra do Largo do Calvário, em Lisboa, sobre duas mulheres que se encontravam na Rua das Trinas, acompanhadas por dois homens.

 

Durante o trajeto teria "desferido uma bofetada" numa das mulheres e, já na esquadra, agredido as duas queixosas com um esticador "nas pernas, nas costas e nos braços".

 

Contudo, hoje, na leitura do acórdão, o coletivo de juízes decidiu absolver a agente por considerar que não ficou provado nenhum dos crimes de que era acusada.

 

O acórdão também teceu críticas à atitude das queixosas, uma vez que "nunca demonstraram qualquer vontade em esclarecer a verdade", negando-se sempre a comparecer em tribunal.

 

No final da sessão, em declarações aos jornalistas, o advogado da agente da PSP, Hélder Cristóvão, manifestou-se satisfeito com a absolvição da sua cliente e elogiou o comportamento do coletivo de juízes.

 

"Mais do que satisfeito com a absolvição, que já se esperava, estou satisfeito com a forma como o tribunal conduziu todos os trabalhos", afirmou.

 

A agente policial está atualmente adstrita ao Comando da PSP do Porto, encontrando-se a frequentar o curso de formação de chefes na Escola Prática de Polícia, em Torres Novas.


Lusa

  • Agente da PSP acusada de tortura
    0:56

    País

    Uma agente da PSP foi acusada de tortura e ofensa à integridade fisica de duas mulheres. Os crimes terão sido cometidos em 2011 no interior de uma esquadra em Lisboa.

  • Encontrado corpo de mariscador desaparecido no Barreiro

    País

    O corpo do homem com cerca de 50 anos apareceu esta manhã junto ao Clube Naval do Barreiro, na mesma zona onde tinha desaparecido na noite deste sábado. A informação já foi confirmada à SIC pela Polícia Marítima, que adiantou que o corpo já foi levado para a morgue. O alerta foi dado por volta das 22:30 de ontem pelos companheiros de nacionalidade chinesa que estavam com a vítima na apanha de bivalves na margem sul do Tejo.

  • IPSS despejada nos Açores
    2:25

    País

    A IPSS Aurora Social, de Ponta Delgada, nos Açores, foi notificada pelo tribunal a abandonar a cozinha onde, há mais de 20 anos, fornece comida a quem mais precisa. A decisão judicial partiu de uma queixa dos moradores e põe em causa os postos de trabalho de 13 funcionárias, a maioria com deficiência. Há dois anos que a Secretaria Regional de Solidariedade Social dos Açores tenta encontrar uma alternativa à cozinha, que tem licença da câmara.

  • Pais revoltados com transporte de crianças do Mogadouro
    4:14

    País

    Os pais dos alunos de algumas aldeias de Mogadouro estão preocupados com a falta de segurança do transporte dos filhos para a escola, na sede de concelho. Os pais contestam o autocarro degradado, que avaria com frequência, e a falta de cintos de segurança em percursos rurais com dezenas de quilómetros.

  • Quer conhecer os cães mais feios do mundo?
    1:15
  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.