sicnot

Perfil

País

Não há "escapadinha" para maioria dos Portugueses na Páscoa

36% dos portugueses vão gozar férias na Páscoa, sendo que 28% escolheram o território nacional para o efeito, de acordo com um estudo hoje divulgado pelo IPDT -- Turismo de Portugal.

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

Segundo o inquérito realizado pelo Turismo de Portugal e que será publicado na sua página oficial no Facebook , 35,5% dos 220 inquiridos respondeu que tinha intenção de gozar férias no período pascal, enquanto 64,5% frisaram que não tinha objetivos de fazer uma pausa naquela altura do ano.

Relativamente a 2014, os resultados apresentam um decréscimo de 3,4% no número de portugueses que tenciona fazer férias naquele período.

A esmagadora maioria daqueles que responderam que não pretendem gozar férias durante a Pascoa (40,5%) justificou que não o faz porque não o tem por hábito, enquanto 18,2% afirmou não ter capacidade financeira para o fazer.

Dos 36% que assumiram que vão fazer férias na Páscoa, 28% escolheram o território nacional, enquanto que 8% optaram pelo estrangeiro. Dos que ficam em Portugal, 20% disse que vai passar uma ou mais noites em lazer, enquanto 16% afirmaram farão uma visita a familiares ou amigos.

O inquérito sobre a "Intenção de férias no período da Páscoa em 2015", a que a agência Lusa teve acesso, foi realizado entre os dias 10 e 20 de março deste ano.

A página do Facebook do IPDT - Instituto de Portugal tem cerca de 3.000 seguidores, sendo acedida por utilizadores de diferentes cidades do país, como Lisboa, Porto, Funchal, Aveiro, Viana do Castelo, Braga ou Coimbra, mas também por utilizadores do Brasil, Reino Unido, França, Argentina, Alemanha ou Espanha.

De acordo com o IPDT, o perfil de utilizadores da página demonstra que 59% são mulheres e que a maioria tem idades compreendidas entre os 25 e 44 anos.


Com Lusa

  • 105 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.