sicnot

Perfil

País

Primeiro-ministro descreve Portugal como um país de forte resiliência

Primeiro-ministro descreve Portugal como um país de forte resiliência

Pedro Passos Coelho referiu-se hoje a Portugal como sendo um país de forte resiliência onde o sacrifício exigido ao povo nunca pôs em causa a paz social. O primeiro-ministro falava em Tóquio, numa visita que tem como objetivo o reforço da cooperação e as parcerias de negócio, ou seja, a política e a economia dominaram a agenda.

  • Passos Coelho no Japão para reforçar laços económicos
    2:57

    País

    Reforçar os laços económicos e a cooperação é o principal objectivo do primeiro-ministro que chegou ao Japão. Passos Coelho recebeu um doutoramento Honoris Causa e visitou universidades que usam a tecnologia mais recente aplicada à saúde. Uma visita onde não faltou a cultura e a história do Japão.

  • Passos convida empresários japoneses a investirem em Portugal
    2:31

    País

    O primeiro-ministro convidou hoje os empresários japoneses a investirem em Portugal e apontou o sector dos transportes como uma das vias a seguir. Na visita oficial ao Japão, Passos Coelho falou das mudanças que atingiram Portugal nos últimos anos e disse que a paz social nunca esteve em causa.

  • Fuzileiros continuam no terreno a ajudar população
    3:03
  • Família Obama de férias na Indonésia

    Mundo

    Das águas claras de Bali aos encantos dos templos de Java, o antigo Presidente norte-americano Barack Obama levou a esposa e as filhas de férias numa aventura de (re)descobertas por um país onde Obama viveu durante quatro anos da sua infância.

    SIC

  • NotPetya: Lourenço Medeiros explica o novo ciberataque global
    2:44
  • Desacatos no aeroporto de Faro deixam turistas britânicos em terra
    1:46

    País

    Cinco pessoas, que integravam o grupo de turistas britânicos que nos últimos dias causou desacatos em Albufeira, foram ontem impedidas de regressar a Inglaterra. Agressões no aeroporto e desacatos à entrada do avião levaram os comandantes de dois voos a recusar levar aqueles passageiros.