sicnot

Perfil

País

Greve de revisores da CP na Páscoa sem serviços mínimos

Não vai haver serviços mínimos durante a greve dos revisores da CP, marcada para esta Páscoa. Uma decisão do tribunal arbitral do Conselho Económico e Social, que a empresa já considerou como "leviana".

A CP prevê perturbações na circulação de comboios nos próximos dias, já que, além dos dois dias de greve dos revisores, vai também haver uma paralisação ao trabalho extraordinário, convocada pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor. Um protesto contra a redução do pagamento do valor pago nos feriados. (Arquivo)

A CP prevê perturbações na circulação de comboios nos próximos dias, já que, além dos dois dias de greve dos revisores, vai também haver uma paralisação ao trabalho extraordinário, convocada pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor. Um protesto contra a redução do pagamento do valor pago nos feriados. (Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

O tribunal decidiu que, durante a greve dos revisores, marcada para quinta e segunda-feira, todos os comboios que iniciem a marcha têm de chegar ao destino, e considerou que não estavam reunidos os pressupostos para que se imponham serviços mínimos aos grevistas.

Os revisores reclamam o cumprimento de uma decisão judicial que prevê o pagamento dos complementos nos subsídios, desde 1996. 

A CP prevê perturbações na circulação de comboios nos próximos dias, já que, além dos dois dias de greve dos revisores, vai também haver uma paralisação ao trabalho extraordinário, convocada pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor. Um protesto contra a redução do pagamento do valor pago nos feriados.
  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".