sicnot

Perfil

País

PSD perde maioria absoluta na Madeira

O PSD Madeira perdeu a maioria absoluta que havia conquistado nas eleições regionais do passado domingo, depois de uma recontagem dos votos nulos e da verificação dos resultados.

TIAGO PETINGA

O PSD, de Miguel Albuquerque, perdeu um deputado para a CDU e ficou com apenas 23 assentos parlamentares. A CDU conseguiu assim eleger um terceiro deputado na região. 

Na sequência da recontagem pedida pela CDU, foi detetada uma falha no reporte de informação da Câmara de Santa Cruz para o Ministério da Administração Interna.

Foram reportados mais votos no PSD do que aqueles que constavam nas atas das mesas de voto. Há agora um prazo de 24 horas para apresentar recurso ao Tribunal Constitucional. 

O PSD Madeira já fez saber que está a analisar a situação para decidir se pede a intervenção dos juízes do Palácio Ratton.
  • Miguel Albuquerque quer diálogo firme com a República
    1:40

    País

    Miguel Albuquerque ganhou as eleições regionais da Madeira com maioria absoluta. O novo presidente do Governo regional prometeu um diálogo firme com a República e diz que a Madeira é uma parte de Portugal que não pode ser descriminada. Albuquerque disse ainda que conta com todas as forças polticas para iniciar um novo ciclo no arquipélago.

  • Albuquerque promete "novo rumo" com nova maioria absoluta na Madeira
    2:09

    País

    Miguel Albuquerque diz que a vitória do PSD nas regionais da Madeira é o início de um novo ciclo. O futuro presidente do governo regional garante que os compromissos que assumiu durante a campanha são para cumprir. Mas avisou que não há milagres e que há muito trabalho pela frente. Uma vitória com maioria absoluta, mesmo sem Alberto João Jardim.

  • PSD está a "perder terreno" na escolha de candidato a Lisboa
    1:46

    País

    Quem o diz é Luís Marques Mendes: o PSD perde na demora da escolha de um candidato para a Câmara de Lisboa. O líder Passos Coelho rejeita apoiar a candidatura de Assunção Cristas e garante que o partido vai ter um candidato próprio. Segundo o comentador da SIC, o último convite foi dirigido a José Eduardo Moniz.

  • Trump não escreve todos os tweets, mas dita-os

    Mundo

    O Presidente eleito dos EUA não escreve todos os tweets que são publicados na sua conta desta rede social, mas dita-os aos seus funcionários. Numa entrevista a um ex-secretário de Estado britânico, Donald Trump explica como usa a sua conta e garante que depois de ser investido Presidente, vai continuar a usar o Twitter para defender-se da "imprensa desonesta".

  • Depressão pode ser mais prejudicial para o coração do que a hipertensão

    Mundo

    Um estudo recente estabelece uma nova ligação entre depressão e distúrbios cardíacos. De acordo com a investigação publicada na revista Atheroscleroses, o risco de vir a sofrer de uma doença cardíaca grave é quase tão elevado para os homens que sofram de depressão, do que para os que tenham colesterol elevado ou obesidade, e pode mesmo ser maior do que para os que sofram de hipertensão.