sicnot

Perfil

País

GNR abre Operação Páscoa à meia-noite

A Guarda Nacional Republicana (GNR) anunciou hoje que vai intensificar entre as 00:00 de quinta feira e as 24:00 de domingo, o patrulhamento e a fiscalização rodoviária para combater a sinistralidade e garantir o apoio a todos os utentes das vias.

(SIC/ Arquivo)

Durante a Operação Páscoa, 4.500 militares dos comandos territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito estarão particularmente atentos à falta de habilitação legal para conduzir, à condução sob o efeito de álcool e de substâncias psicotrópicas, à não utilização do cinto de segurança e de sistemas de retenção para crianças, refere um comunicado daquela força militarizada.

O excesso de velocidade e o não cumprimento das regras de trânsito serão também alvo de especial atenção por parte da GNR.

Devido ao aumento significativo de trânsito na época pascal, a GNR aconselha os condutores a reduzirem substancialmente a velocidade na travessia de localidades e uma especial atenção para com os peões.

Alerta ainda para a necessidade de os condutores terem atenção ao aumento de ciclistas nas estradas portuguesas e para a necessidade de uso dos cintos traseiros das viaturas, já que se regista num aumento de vítimas entre os passageiros do banco de trás devido à não utilização de cinto.

Lusa
  • Tragédia de Vila Nova da Rainha foi há uma semana
    7:18
  • Escutas da Operação Marquês "não podem servir de prova"
    1:36

    Operação Marquês

    As defesas de José Sócrates e de Ricardo Salgado queixam-se que as escutas do processo Marquês estão infetadas por um vírus informático. Os advogados dizem que tal como estão as escutas não podem servir de prova. No entanto, o Ministério Público diz que estão reunidas as condições para começar a contar o prazo para a abertura de instrução.

    Luís Garriapa

  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Admirável mundo novo
    16:17