sicnot

Perfil

País

REFER explica que jovem eletrocutado em Ermesinde subiu para um vagão de comboio

A REFER esclareceu que o jovem de 16 anos que morreu hoje eletrocutado na via férrea em Ermesinde, concelho de Valongo estava em "local proibido" e subiu "para cima de um vagão", aproximando-se da catenária. 

LUSA

A fonte da empresa que gere a rede ferroviária nacional explicou que "o acidente só se deu porque o jovem e um amigo subiram para o vagão", pois ninguém é eletrocutado por circular na via férrea.

A mesma fonte disse ainda que os jovens estavam "num local onde é proibida a circulação de peões".

"Não podiam estar no local, assim como não mediram o risco que estava associado ao subir para o vagão", referiu, explicando que, ao trepar para o comboio, o jovem ficou demasiado junto à catenária (cabo metálico condutor de eletricidade suspenso nas vias-férreas eletrificadas)  

Numa primeira versão do acidente, os Bombeiros de Ermesinde informaram que os dois jovens caminhavam pela via-férrea, perto das ruas do Pinheiro e do Ermesinde Sport Club, quando um deles terá sido eletrocutado devido à excessiva proximidade com a catenária, situação que motivou o esclarecimento da REFER.

O alerta foi dado pelas 17:30 e o jovem ainda foi assistido pela Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Hospital de São João, no Porto, mas veio a ser declarado o óbito ainda no local.

Segundo os bombeiros, o outro jovem não sofreu ferimentos.

No local estiveram ainda os psicólogos do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) do Porto e a equipa de Suporte Imediato de Vida de Valongo.


Lusa
  • "A Minha Outra Pátria": o drama da Venezuela no Jornal da Noite
    2:12

    Reportagem Especial

    Quase cinco mil emigrantes regressaram à Madeira nos últimos meses por causa da crise económica, social e política na Venezuela. Os pedidos de ajuda ao Governo Regional dispararam. Muitos luso-venezuelanos voltaram às origens com pouco mais do que a roupa do corpo. "A Minha Outra Pátria" é a Reportagem Especial de hoje.

  • Fogo na Sertã alastrou aos concelhos de Mação e Proença-a-Nova
    2:37

    País

    Mais de 700 bombeiros combatem o incêndio que começou este domingo na Sertã e, durante a noite foi empurrado pelo vento para outros dois concelhos. As chamas atingiram as zonas de Mação e de Proença-a-Nova, onde os habitantes dizem que há várias casas destruídas pelo fogo. Esta manhã, chegaram dois aviões espanhóis para ajudar a controlar as chamas.

  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24
  • Governo reconhece seca severa no continente desde 30 de junho

    País

    O Governo reconheceu, hoje, a existência de uma situação de seca severa no território continental, desde 30 de junho, que consubstancia um fenómeno climático adverso, com repercussões negativas na atividade agrícola, em despacho publicado hoje em Diário da República.

  • Oposição pressiona Maduro com anúncio de manifestações e greve geral
    1:34
  • Margem mínima de mil votos obriga a negociações intensas em Timor-Leste

    Mundo

    A Fretilin venceu sem maioria absoluta as lesgislativas para o VII Governo constitucional de Timor-Leste. De acordo com os dados oficiais, o partido de Mari Alkatiri obteve perto de 170 mil votos e conquistou 23 deputados. Já o partido de Xanana Gusmão que tinha vencido há cinco anos, ficou em segundo com 167 mil votos e 22 lugares no parlamento, num total de 65.