sicnot

Perfil

País

Seis mortos e 18 feridos em mais de 600 acidentes nas estradas

Seis pessoas morreram e 18 ficaram feridas com gravidade em mais de 600 acidentes registados nas estradas portuguesas. 

(SIC/ Arquivo)

Em declarações à agência Lusa, o major Ricardo Alves indicou que foram registados 668 acidentes, mais 42 do que no mesmo período do ano passado, mais três mortos e menos três feridos graves e menos um ligeiro.

Durante a Operação Páscoa, 4.500 militares dos comandos territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito estiveram particularmente atentos à falta de habilitação legal para conduzir, à condução sob o efeito de álcool e de substâncias psicotrópicas, à não utilização do cinto de segurança e de sistemas de retenção para crianças, refere um comunicado daquela força militarizada.

Ricardo Alves avançou ser ainda cedo para divulgar quais as causas dos acidentes, sublinhando que foi realizado durante a operação Páscoa um controlo que registou 3.397 excessos de velocidade, enquanto 303 pessoas acusaram excesso de álcool no sangue, podendo estes dados "refletir as causas de vários acidentes"
  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.

  • Quando o cancro chega por mero acaso
    1:55

    Mundo

    Cerca de dois terços das mutações que ocorrem nas células cancerígenas devem-se ao acaso, segundo um estudo da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos. Em Portugal, o Diretor do Programa Nacional Doenças Oncológicas alerta para a importância de um diagnóstico precoce e um estilo de vida saudável como forma de reduzir a fatalidade.