sicnot

Perfil

País

Cavaco Silva defende que antecipação das Legislativas seria mais negativa

Cavaco Silva defende que antecipação das Legislativas seria mais negativa

Cavaco Silva reafirmou esta quarta-feira, na Lousã, que seria pior para o país se as eleições legislativas tivessem sido antecipadas. Isto para evitar dois atos eleitorais quase seguidos, com as Legislativas em setembro ou outubro e as Presidenciais em janeiro. O Presidente da República diz que está na altura de os portugueses se habituarem à normalidade democrática.

  • CDS estuda medidas para limitar sondagens em campanha eleitoral

    País

    O CDS está a ponderar apresentar no Parlamento, um projecto de lei, para limitar a divulgação de sondagens em campanha eleitoral. Para já a medida ainda está em fase de estudo mas foi um dos temas debatidos na reunião desta noite do Conselho Nacional do partido. Os centristas congratularam-se pelo resultado nas eleições na Madeira mas dizem que os grandes derrotados foram os centros de sondagem. Para o CDS, foram cometidos grandes erros de sub-representação do partido a poucos dias do acto eleitoral e, por isso, tem de haver consequências. A reunião desta noite serviu também para trabalhar ideias e propostas para um programa eleitoral sendo que nada foi dito sobre se o CDS-PP vai ou não coligar-se com o PSD para as próximas legislativas.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.