sicnot

Perfil

País

Resgatado corpo de pescador galego desaparecido no rio Lima em Ponte da Barca

 Um pescador lúdico galego, de 67 anos, que hoje desapareceu no rio Lima, na zona de Parada Monte, em Ponte da Barca, foi encontrado sem vida cerca das 20:15, disse à agência Lusa fonte da GNR. 

SIC

De acordo com a fonte do Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo, o corpo do homem, reformado da Guardia Civil espanhola, foi encontrado "junto à margem do rio Lima", em Ermelo, naquele concelho do distrito de Viana do Castelo, "por um popular que passava na zona".

"Tudo indica ter-se tratado de um acidente, mas a autópsia, a realizar no Instituto de Medicina Legal (IML) de Viana do Castelo, irá determinar as causas da morte", explicou a mesma fonte policial.

O sexagenário galego terá saído para pescar terça-feira à noite, no lado português daquele rio, e não voltou a ser visto, levando o filho a dar o alerta para as autoridades hoje cerca das 10:19, "após ter tentado contactar o pai através do telemóvel", sem sucesso.

Horas antes da descoberta do corpo, durante as operações de busca foi encontrada a cana de pesca do sexagenário.

As operações de busca, realizadas em ambas as margens durante todo o dia, envolveram autoridades policiais do Alto Minho e da Galiza.

Do lado português, a GNR de Viana do Castelo mobilizou para o local o Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS), o Núcleo de Proteção Ambiental daquela força policial e cães de busca e salvamento.

No local estiveram ainda seis operacionais dos Bombeiros Voluntários de Ponte da Barca, com um bote e uma viatura.


Lusa
  • Pescador desaparecido no rio Lima

    País

    Um pescador galego dado hoje como desaparecido está a ser procurado no rio Lima, na zona de Parada Monte, em Ponte da Barca, por autoridades policiais do Alto Minho e da Galiza, disse hoje Lusa fonte da GNR.

  • "A Minha Outra Pátria": o drama da Venezuela no Jornal da Noite
    2:12

    Reportagem Especial

    Quase cinco mil emigrantes regressaram à Madeira nos últimos meses por causa da crise económica, social e política na Venezuela. Os pedidos de ajuda ao Governo Regional dispararam. Muitos luso-venezuelanos voltaram às origens com pouco mais do que a roupa do corpo. "A Minha Outra Pátria" é a Reportagem Especial de hoje.

  • Fogo na Sertã alastrou aos concelhos de Mação e Proença-a-Nova
    2:37

    País

    Mais de 700 bombeiros combatem o incêndio que começou este domingo na Sertã e, durante a noite foi empurrado pelo vento para outros dois concelhos. As chamas atingiram as zonas de Mação e de Proença-a-Nova, onde os habitantes dizem que há várias casas destruídas pelo fogo. Esta manhã, chegaram dois aviões espanhóis para ajudar a controlar as chamas.

  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24
  • Governo reconhece seca severa no continente desde 30 de junho

    País

    O Governo reconheceu, hoje, a existência de uma situação de seca severa no território continental, desde 30 de junho, que consubstancia um fenómeno climático adverso, com repercussões negativas na atividade agrícola, em despacho publicado hoje em Diário da República.

  • Oposição pressiona Maduro com anúncio de manifestações e greve geral
    1:34
  • Margem mínima de mil votos obriga a negociações intensas em Timor-Leste

    Mundo

    A Fretilin venceu sem maioria absoluta as lesgislativas para o VII Governo constitucional de Timor-Leste. De acordo com os dados oficiais, o partido de Mari Alkatiri obteve perto de 170 mil votos e conquistou 23 deputados. Já o partido de Xanana Gusmão que tinha vencido há cinco anos, ficou em segundo com 167 mil votos e 22 lugares no parlamento, num total de 65.