sicnot

Perfil

País

Cafeína influencia formação de espermatozoides

Uma investigação da Universidade da Beira Interior (UBI), na Covilhã, indica que a cafeína pode influenciar positivamente a produção de espermatozoides - desde que em doses baixas ou moderadas.

© Kim Kyung Hoon / Reuters

O investigador responsável pelo estudo, Pedro Oliveira, explica tratar-se de um "estudo preliminar que não permite estabelecer as doses específicas de cafeína que um adulto deve consumir", mas também salienta que "os resultados obtidos sugerem que a ingestão de uma dose diária de cafeína, correspondente a três ou quatro cafés ou cinco ou seis chávenas de chá, parece não ter efeitos negativos sobre as células de Sertoli" e, melhor, "parece ter efeitos promotores sobre o funcionamento metabólico das células".

"Os resultados indicam que a cafeína altera o metabolismo das células de Sertoli, as quais apoiam o desenvolvimento dos espermatozoides", explica igualmente Pedro Oliveira, citado em nota de imprensa enviada pela UBI.

Em resumo, embora seja necessário o desenvolvimento de "mais estudos para esclarecer a dose de cafeína que pode ser benéfica ou prejudicial para a função das células de Sertoli, os resultados sugerem que o consumo moderado parece seguro para a saúde reprodutiva masculina e promove condições para o desenvolvimento e sobrevivência dos espermatozoides", acrescenta.

A nota adianta que a investigação está a ser levada a cabo no Centro de Investigação em Ciências da Saúde da UBI e que foi recentemente publicada na revista cientifica Toxicology.

Segundo o referido estudo, "em doses baixas ou moderadas, o composto provoca que estas células produzam lactato, um elemento essencial para a espermatogénese acontecer".

"No entanto, quando a quantidade de cafeína é muito elevada, o efeito pode ser o contrário por uma oxidação maior das células".

A informação também aponta que a investigação foi realizada in vitro com células de Sertoli humanas provenientes de biopsias testiculares.

"Os investigadores aplicaram a estas células três doses diferentes de cafeína para imitar as concentrações observadas em consumidores pontuais, moderados e compulsivos de bebidas ricas em cafeína, tais como café, chá verde e chá preto", está especificado.

Os cientistas julgam que estas experiências são um bom modelo para compreender o que realmente acontece no corpo, considerando que as células de Sertoli são essenciais para a fertilidade masculina, já que definem a quantidade de espermatozoides que se formarão.

Deste modo, e considerando que "há outros alimentos e bebidas que contêm uma boa dose de cafeína, tais como cacau e alguns refrigerantes de cola, e que os resultados também indicam que doses elevadas deste composto interferem com o funcionamento das células, conduzindo a uma deterioração da fertilidade masculina", os cientistas acham relevante continuar-se a estudar os efeitos de outras doses de cafeína.



Com Lusa
  • Verdades e mentiras sobre o consumo do café
    10:27

    País

    O café é a segunda bebida mais consumida em todo o mundo, depois da água. Talvez por isso, muito se diz de certo e errado sobre as vantagens e malefícios. Para separar verdade e mentira sobre o café, tivemos no Primeiro Jornal o cardiologista Carlos Aguiar. Garante que o café pela manhã desperta mesmo e aumenta o rendimento e chama a atenção à quantidade de açúcar que se junta.

  • Consumo de cafeína durante gravidez é nocivo

    País

    Uma equipa internacional de investigadores,  com elementos da Universidade de Coimbra, concluiu que o consumo de cafeína  durante a gravidez é prejudicial ao desenvolvimento do cérebro do bebé,  anunciou hoje a instituição portuguesa. 

  • O encontro emocionado de Marcelo com a mãe de uma das vítimas dos fogos
    0:30
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Depois de sair da autoestrada o vidro do carro ainda estava a ferver"
    2:01
  • "O fogo chegou de repente. Foi um demónio"
    2:15
  • O desabafo de um empresário que perdeu "uma vida inteira de trabalho" no fogo
    2:08
  • O testemunho emocionado de quem perdeu quase tudo
    2:10
  • As comunicações entre operacionais no combate às chamas em Viseu
    2:27
  • Houve "erros defensivos que normalmente a equipa não comete"
    0:38

    Desporto

    No final do jogo, quando questionado sobre a ausência de Casillas no onze do FC Porto, Sérgio Conceição referiu que a equipa apresentada era aquela que lhe oferecia garantias. Quanto ao jogo, o treinador portista reconheceu que a equipa cometeu vários erros defensivos.

  • "Cometemos erros e há que tentar corrigi-los"
    0:41

    Desporto

    No final do jogo em Leipzig, Iván Marcano desvalorizou a ausência de Iker Casillas e entendeu que o facto de o guarda-redes ter ficado no banco não teve impacto na equipa. Já sobre o jogo, o central espanhol garantiu que não correu da forma como os jogadores esperavam.

  • Norte-americana foi à discoteca e tornou-se princesa

    Mundo

    A história de Ariana Austin é quase como um conto de fadas moderno. A jovem vai até ao baile, onde conhece o seu príncipe. Só que a norte-americana foi a uma discoteca e, na altura, não sabia que Joel Makonnen era na verdade um príncipe da Etiópia e que casaria com ele 12 anos depois, tornando-se também ela numa princesa.