sicnot

Perfil

País

Anonymous volta a atacar sites da PJ, Citius e Conselho da Magistratura

O grupo Anonymous lançou hoje mais uma série de ataques informáticos por ocasião do aniversário do 25 abril.A operação começou à meia noite e visou deitar abaixo as páginas da internet da Polícia Judiciária, do Citius e do Conselho da Magistratura. 

Página do Facebook do grupo Anonymous

Página do Facebook do grupo Anonymous

Página do Facebook do grupo Anonymous

Página do Facebook do grupo Anonymous

Página do Facebook do grupo Anonymous

Página do Facebook do grupo Anonymous

Site do Conselho de Magistratura, alegadamente atacado pelo grupo Anonymous

Site do Conselho de Magistratura, alegadamente atacado pelo grupo Anonymous

No Facebook, os piratas informáticos reivindicam o ataque e disponibilizam ligações que remetem para listas com o que dizem ser dados pessoais de profissionais ligados à justiça e emails de funcionários da EDP. Os sites da Águas de Portugal e do PS também foram manipulados como parte desta operação.

Foi ainda divulgada uma foto, do procurador Pedro Verdelho, que há um ano, no 25 de abril, teve já os seus dados expostos.

A cargo deste procurador está o processo da 'Operação Caretos'. Uma operação destinada a desmantelar o grupo suspeito de ser responsável por vários ataques a sites do Estado e de empresas privadas. 

  • Mulher detida ao tentar atropelar polícias junto ao Capitólio, em Washington

    Mundo

    Agentes da polícia abriram fogo contra uma mulher (e não um homem, ao contrário do que inicialmente se disse) que conduzia um carro perto do Capitólio e tentava atropelá-los, segundo o Departamento da Polícia Metropolitana de Washington. A mulher foi detida mas a polícia garante que não se tratou de um ato terrorista.

  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.