sicnot

Perfil

País

Turismo do Centro diz que Papa em Fátima é oportunidade para reforçar notoriedade do país

O presidente do Turismo do Centro disse hoje que a visita do papa a Fátima em 2017 é uma oportunidade para "reforçar a notoriedade das marcas Fátima, Centro e Portugal", defendendo a mobilização de organismos públicos e privados na receção.

LUSA

"A visita do papa a Fátima é uma grande oportunidade para reforçar a notoriedade das marcas Fátima, Centro e de Portugal, no contexto mundial do turismo religioso, mas também do turismo cultural", afirmou à agência Lusa Pedro Machado.

Para Pedro Machado, "essa oportunidade deve mobilizar todos, organismos públicos, privados, locais, regionais e nacionais, para se poder proporcionar a melhor receção possível" ao papa e a quem visitar Fátima em 2017.

O papa Francisco confirmou hoje, ao bispo de Leiria-Fátima, António Marto, que tenciona deslocar-se a Fátima em 2017, quando se assinala o centenário dos acontecimentos na Cova da Iria, revelou hoje a diocese portuguesa.

Numa informação enviada à agência Lusa, a diocese anuncia que, em audiência privada, hoje, em Roma, o papa Francisco confirmou a António Marto que, "'se Deus [me] der vida e saúde' quer estar na Cova da Iria para celebrar o centenário das aparições de Fátima".

"Depois de ter recebido já vários convites, é a primeira vez que Francisco afirma de forma explícita este desejo de vir a Fátima, autorizando a divulgação pública da sua intenção", destaca a diocese.

Em novembro, o bispo, que é também vice-presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, assumiu ter uma "esperança fundada" de que o papa peregrine ao Santuário de Fátima em 2017.

"Agora é uma certeza dita pela boca do Santo Padre. Perguntei se podia transmitir ao público e à imprensa, e ele disse-me que sim, com esta condição, acerca da sua vida, se o permitir", acentuou António Marto, realçando ser "uma alegria já para Portugal e para todos aqueles que se sentem ligados a Fátima que já podem projetar o futuro com esta certeza".

O presidente do Turismo do Centro adiantou que a visita do papa "dá uma visibilidade e alcance mundial que só podem acrescentar valor" ao trabalho e esforço financeiro que a entidade regional desenvolve diariamente na promoção do destino.

"Trabalho que chegará a milhões de pessoas em todo o mundo, com aquela que será a figura mais conhecida em todo o mundo", considerou Pedro Machado.


Lusa
  • Papa vem a Portugal em 2017

    País

    O Papa Francisco vem a Portugal em 2017 para o centenário das aparições de Fátima. A confirmação foi dada hoje ao Bispo de Leiria-Fátima, António Marto, numa audiência privada em Roma. Depois de ter recebido vários convites é a primeira vez que o chefe da Igreja católica expressa cabalmente a intenção de vir a Portugal e autoriza que seja divulgada a primeira visita do Papa Francisco a Portugal e à Cova da Iria, um dos principais locais de culto para os católicos.

  • 950 militares cercam a Rocinha, no Rio de Janeiro
    2:36
  • Terra volta a termer no México

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6,2, na escala de Richter, foi registado às 05h30, hora local, 23h30, em Lisboa. Até ao momento não há registo de vítimas ou danos materiais.

  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04

    Mundo

    O Presidente francês volta hoje a ser alvo de manifestações contra a reforma laboral. Os protestos foram organizados por Jean Luc Melenchon, o candidato da extrema-esquerda que concorreu contra Macron.

  • Tony Carreira em Paris com sala cheia
    2:36

    Cultura

    O cantor Tony Carreira actuou ontem em Paris e teve sala cheia a aplaudir os temas que o tornaram conhecido há quase 30 anos. As recentes acusações de plágio não parecem afectar a popularidade do artista, que vai continuar em tournée. A Sic acompanhou o artista neste concerto.