sicnot

Perfil

País

Comemorações do 1º de Maio condicionam trânsito em Lisboa

As comemorações do 1º de Maio vão condicionar o trânsito em Lisboa desde as 08:30, na zona de Alvalade, até depois meio da tarde, na Praça do Comércio e Alameda, informou hoje a PSP. 

M\303\201RIO CRUZ

Segundo um comunicado hoje divulgado pela PSP de Lisboa, a 34.ª corrida internacional de 1.º de Maio vai provocar condicionamentos/cortes de trânsito junto ao estádio 1.º Maio, na zona de Alvalade, a partir das 08:30. No restante percurso haverá condicionamentos, a partir das 09:45, estando prevista a normalização da circulação pelas 13:30 ou após o último atleta finalizar.

A prova vai condicionar as áreas de Alvalade, Entrecampos, Saldanha, Marquês do Pombal, Baixa, Almirante Reis e Areeiro.

A partir das 09:00 preveem-se condicionamentos na área da Alameda D. Afonso Henriques, onde decorrem os habituais eventos  da CGTP-IN no dia do trabalhador, e no troço entre a Praça Francisco Sá Carneiro e a Praça do Chile.

Às 13:00 deverá iniciar-se, no Largo Martim Moniz, a concentração/manifestação da CGTP-IN, com desfile a partir das 15:00 pela Rua da Palma e Av. Almirante Reis até à Alameda D. Afonso Henriques, estando previstos condicionamentos e cortes de trânsito durante a deslocação.

Para as 13:00 está prevista a concentração na Praça Luís de Camões e posterior desfile de mais manifestantes da CGTP-IN pelo Largo do Chiado - Rua Garrett -- R. do Carmo -- Pr. D. Pedro IV - R. da Betesga -- Pr. da Figueira -- Rua D. Duarte e Pr. do Martim Moniz.

Por seu lado, a USI -- União dos Sindicatos Independentes deverá iniciar a sua concentração na Praça D. Pedro IV (Rossio), pelas 13:00, e pelas 16:00 deverá decorrer, na Praça do Comércio, o evento, "Sentar em Paz e Silêncio por Alternativas à Cultura do Trabalho, da Produção e do Consumo".

"A PSP adotará pontualmente as medidas de segurança julgadas mais convenientes, de modo a assegurar a circulação de pessoas e bens, minimizando inconvenientes causados pelos necessários e inerentes condicionamentos ao trânsito", lê-se no comunicado hoje divulgado.


Lusa
  • Madrid suspende governo regional da Catalunha

    Mundo

    O chefe do Governo espanhol anunciou hoje que decidiu acionar o artigo 155º da Constituição espanhola e pedir ao Senado a suspensão das funções do governo regional da Catalunha. Em conferência de imprensa justificou a adoção das medidas dada a "desobediência rebelde, sistemática e consciente" do Governo regional (Generalitat).

    Em atualização

  • Manifestações contra os incêndios um pouco por todo o país
    1:33

    País

    Estão marcadas para esta tarde várias manifestações contra os incêndios e as políticas florestais, mas também de homenagem às vítimas dos fogos que arrasaram o país. As iniciativas de protesto são quase todas organizadas através das redes sociais e por grupos de cidadãos.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.