sicnot

Perfil

País

Armazenamento de água em abril desceu em oito bacias hidrográficas

O volume de água armazenada em abril diminuiu em oito das bacias hidrográficas de Portugal continental e aumentou em quatro, comparativamente com o mês anterior, segundo o Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH).

Barragem do Pedrogão (Arquivo)

Barragem do Pedrogão (Arquivo)

De acordo com o boletim de armazenamento de albufeiras do SNIRH na Internet, no último dia do mês de abril, e relativamente ao mesmo período do mês anterior, verificou-se um aumento do volume armazenado em quatro bacias hidrográficas e uma descida em oito. 

Das 57 albufeiras monitorizadas, 32 apresentam disponibilidades hídricas superiores a 80% do volume total e não existem albufeiras com disponibilidade inferior a 40% do volume total.

Os níveis mais elevados de armazenamento de água em março de 2015 ocorreram nas bacias do Barlavento (97,4%), Oeste (88,5%), Mira (86,8%), Guadiana (82,4%), Tejo (79,9%), Mondego (75,6%), Cávado (71,8%), Arade (73,5%), Douro (64,1%), Sado (68,1%), Ave (62,7%) e Lima (57,0%).

O SNIRH indica que os armazenamentos de abril de 2015, por bacia hidrográfica, apresentam-se inferiores às médias dos valores do mesmo mês nos períodos de 1990/91 a 2013/14, exceto para as bacias das ribeiras do Oeste, Tejo, e ribeiras do Algarve e Arade.

A cada bacia hidrográfica pode corresponder mais do que uma albufeira, alerta o SNIRH.



Lusa
  • A semana em revista

    Mundo

    Com a semana a chegar ao fim, a SIC Notícias apresenta-lhe, num único artigo, os destaques que marcaram a atualidade nos últimos dias. Um espaço onde pode ficar a saber, ou simplesmente recordar, os temas que marcaram a semana noticiosa.

    André de Jesus

  • Registadas mais de 500 queimadas em 12 horas

    País

    A Proteção Civil registou esta sexta-feira, no distrito de Viana do Castelo, entre as 06:00 e as 18:00, 515 queimadas, mais cerca de uma centena das contabilizadas na quinta-feira, sendo que três terão dado origem a incêndios florestais.