sicnot

Perfil

País

Funerais dos cinco peregrinos realizam-se esta terça-feira em Mortágua

Os funerais dos cinco peregrinos que morreram na madrugada de sábado, em Cernache, após o despiste de um carro, realizam-se na terça-feira à tarde em Mortágua, disse esta segunda-feira à agência Lusa o presidente da autarquia, José Júlio Norte.

Na terça-feira é ainda dia de luto municipal em Mortágua e, da parte da tarde, haverá tolerância de ponto.

Na terça-feira é ainda dia de luto municipal em Mortágua e, da parte da tarde, haverá tolerância de ponto.

LUSA

"Os cinco funerais serão amanhã (terça-feira), mas não se sabe se todos em simultâneo ou só quatro", referiu o autarca, acrescentando que o marido de uma das vítimas ainda se encontra no estrangeiro e "a família é que terá de tomar a decisão".

Os corpos já foram autopsiados e, segundo José Júlio Norte, chegam às 11:30 ao salão polivalente dos Bombeiros Voluntários de Mortágua, onde ficarão em câmara ardente até à hora da missa (15:00).

Três dos corpos serão depois levados para o cemitério municipal de Mortágua e os outros dois para os cemitérios de Vale de Remígio e de Sobral, no mesmo concelho.

O autarca explicou que a intenção de realizar os cinco funerais ao mesmo tempo se prendeu com o facto de se tratar "de uma comunidade pequena, com muitos amigos que faleceram em simultâneo".

"Para podermos prestar homenagem a todos eles só havia uma forma, que era o funeral ser nestas circunstâncias", afirmou.

Na terça-feira é ainda dia de luto municipal em Mortágua e, da parte da tarde, haverá tolerância de ponto.

José Júlio Norte justificou que esta é uma forma de prestar homenagem a todas as vítimas, concretamente a uma que era funcionária da Câmara.

"Hoje de manhã tivemos aqui um momento também muito solene, às 09:00, na secretaria onde ela trabalhava. Fizemos um minuto de silêncio. Foi um momento muito duro para nós, mas também uma forma de a homenagear e de todos juntos ganharmos forças para continuar o nosso trabalho", contou.

Segundo o autarca, o Presidente da República e o primeiro-ministro fizeram chegar as suas mensagens de condolências para as famílias e a generalidade dos presidentes de Câmara do país também demonstrou a sua solidariedade.

O acidente, ocorrido às 04:00 de sábado, provocou a morte de cinco peregrinos, dois dos quais escuteiros, após o automóvel se ter despistado à saída de uma curva e invadido a faixa contrária onde seguiam, a pé, cerca de 80 pessoas provenientes de Mortágua com destino a Fátima.

O carro atropelou os peregrinos numa zona de bermas estreitas e onde o trânsito automóvel está reduzido a duas vias devido à criação de uma faixa de segurança para possibilitar a circulação de peregrinos.
  • Governo quer aumentar fiscalização a baixas fraudulentas
    1:10

    País

    O Governo quer criar uma bolsa de médicos para fiscalizar quem recebe o subsídio por doença. A intenção foi manifestada à TSF pela secretária de Estado da Segurança Social. Em 2016 foram detetados mais de 56 mil trabalhadores com baixa médica que afinal estavam aptos para trabalhar.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.