sicnot

Perfil

País

Autoridades investigam morte de um idoso em Vimioso

As autoridades estão a investigar a morte de um homem na casa dos 70 anos que foi encontrado carbonizado na localidade Angueira, concelho de Vimioso, distrito disse à Lusa fonte da GNR.

Em declarações prestadas hoje à agência Lusa, o major Marco Marques, Relações Públicas do comando da GNR de Bragança, disse que o idoso foi encontrado sem vida por militares da Guarda, após o alerta de familiares da vítima.

 "Os familiares deram por falta do idoso cerca das 23:00 horas de ontem e alertaram a GNR, que de imediato iniciou uma operação de buscas, tendo sido encontrado o idoso num local referenciado pela família", acrescentou.

 Segundo o oficial da GNR, provavelmente o idoso estaria a fazer uma queima de sobrantes quando caiu inanimado, tendo sido apanhado pelas chamas. 

 O cadáver só hoje ao início da manhã foi levantado na presença das autoridades competentes.

 A Policia Judiciária está agora as causas do incidente. 

Lusa
  • A Verdade sobre a Mentira
    35:13
  • Elemento dos Super Dragões com medida de coação mais gravosa
    1:37

    Desporto

    Os seis arguidos da Operação Jogo Duplo, que investiga crimes de corrupção e viciação de resultados na II Liga de futebol, saíram em liberdade. A medida de coação mais gravosa é para um membro da claque Super Dragões, que terá de pagar uma caução de 5 mil euros.

  • "A Venezuela sofreu um Madurazo"
    0:32
  • "Leiam os meus lábios. Não!"
    0:12

    Mundo

    Vladimir Putin participou esta quinta-feira numa conferência, no Ártico. Questionado sobre se a Rússia tinha interferido nas últimas eleições dos Estados Unidos da América, o Presidente voltou a negar qualquer interferência, com uma frase que pensava pertencer a Ronald Reagan, mas que na verdade foi proferida por George Bush.

  • A provocação de Juncker a Trump
    0:40

    Mundo

    Jean-Claude Juncker lançou esta quinta-feira uma provocação a Donald Trump. No último dia do congresso do PPE, o presidente da Comissão Europeia disse que, se Trump incentivar outros países a sair da União Europeia, ele próprio vai apoiar a independência do Ohio e do Texas