sicnot

Perfil

País

Proteção Civil alerta para risco de incêndio florestal devido ao tempo quente

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alertou esta sexta-feira para o risco de incêndio florestal, que deverá atingir nos próximos dias "valores máximos a extremos" nos distritos a sul do tejo, devido ao tempo quente.

No comunicado, a Proteção Civil admite que os grupos populacionais mais vulneráveis, como idosos, crianças, sem-abrigo e doentes do foro cardiorrespiratório, sejam afetados devido ao calor. (Arquivo)

No comunicado, a Proteção Civil admite que os grupos populacionais mais vulneráveis, como idosos, crianças, sem-abrigo e doentes do foro cardiorrespiratório, sejam afetados devido ao calor. (Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

Num comunicado para avisar a população sobre as medidas preventivas a adotar, a ANPC refere que nos próximos dias há "condições favoráveis à progressão de eventuais incêndios florestais", tendo em conta o tempo seco e vento moderado.

A ANPC adianta que está prevista, a partir de sábado, uma subida gradual da temperatura máxima, atingindo valores entre 30 e 35 graus em todo o pais na segunda-feira. 

"Atendendo à situação meteorológica, é expectável que o risco de incêndio atinja valores máximos a extremos, para os distritos a sul do tejo, apontando para um aumento das dificuldades de supressão", refere a Proteção Civil. 

A ANPC refere que, nos locais onde o índice de risco de incêndio é superior ao nível elevado, não é permitido realizar queimadas nem fogueiras, queimar matos cortados e amontoados, lançar foguetes e fumar ou fazer lume nos espaços florestais, nem pode ser feita a utilização de equipamentos de queima e de combustão.

A ANPC recomenda ainda à população para que tome os comportamentos adequados face à situação de perigo de incêndio florestal, nomeadamente com a adoção das necessárias medidas de prevenção e precaução.

No comunicado, a Proteção Civil admite que os grupos populacionais mais vulneráveis, como idosos, crianças, sem-abrigo e doentes do foro cardiorrespiratório, sejam afetados devido ao calor.

A ANPC aconselha ainda os peregrinos e participantes nas comemorações do 13 de maio em Fátima a adoção de medidas de autoproteção.
  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Novo vídeo do Daesh mostra crianças a treinar para matar
    3:35
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Trump propõe cortes orçamentais para pagar muro

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos está a propor cortes de milhões de dólares no orçamento para que os contribuintes norte-americanos, e não o México, paguem o muro a construir na fronteira entre os dois países.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.