sicnot

Perfil

País

Dia do cancro da pele assinala-se hoje com rastreios em cerca de 40 serviços

O dia europeu dos cancros da pele assinala-se hoje com o objetivo de alertar para a importância de combater e prevenir esta doença, pelo que cerca de 40 de serviços de dermatologia em Portugal vão realizar rastreios gratuitos.

(arquivo)

(arquivo)

© David Gray / Reuters

O Dia do Euromelanoma é hoje assinalado em mais de 30 países da Europa, para alertar para a importância da proteção contra os raios ultravioleta, mas também de vigiar mensalmente os sinais, através do autoexame ou de consultas médicas em caso de dúvida.

Por isso mesmo, ao longo de todo o país, além das campanhas de sensibilização desenvolvidas pela Associação Portuguesa de Cancro Cutâneo (APCC) em pareceria com as autarquias, cerca de 40 serviços de dermatologia vão realizar rastreios dos vários tipos de cancros de pele, dirigidos em particular a pessoas de risco.

Este grupo inclui pessoas de pele clara, adultos que sofreram queimaduras solares quando jovens, pessoas expostas ao sol, desde trabalhadores a desportistas, com antecedentes familiares de cancro de pele ou com sinais suspeitos.

Entre os vários serviços que realizam rastreios -- que podem ser consultados no site da APCC (www.apcancrocutaneo.pt) -- constam-se os três Institutos Portugueses de Oncologia (Lisboa, Porto e Coimbra), os Hospitais Universidade Coimbra, o Hospital de Braga, os Hospitais do Porto e de Santo António (Porto), o Hospital Garcia da Orta (Almada), o Hospital de Santa Maria (Lisboa) e o Centro Hospitalar do Algarve.

Segundo explica a APCC, os sinais que devem ser valorizados são aqueles que mudem de tamanho, cor ou forma, que pareçam diferentes dos outros, que sejam assimétricos, que sejam ásperos ou descamativos, que tenham várias cores, com mais de 6 milímetros, que provoquem comichão, sangrem ou deitem líquido, tenham um aspeto perolado ou que pareçam uma ferida, mas não cicatrizem.

Entre os diferentes cancros de pele existentes, os mais frequentes são o carcinoma basocelular, o carcinoma espinocelular e o melanoma.

Segundo Osvaldo Correia, secretário-geral da APCC, estima-se que os cancros de pele vão continuar a aumentar e a previsão aponta para o surgimento de mais de 12 mil novos cancros de pele e mil novos casos de melanoma (a forma mais perigosa e mortal de cancro de pele) ao longo deste ano.

Em 2014 foram rastreadas 1.663 pessoas, a maioria mulheres, das quais apenas 32% já tinham efetuado anteriormente rastreio e 31% afirmaram ter atividade profissional ao ar livre.

Foi feito um diagnóstico clínico de sinais atípicos a 317 pessoas, das quais 112 possuíam queratoses actínicas (percursores potenciais de um tipo de cancro de pele), 16 apresentaram suspeita de melanoma e 73 suspeita de carcinomas.




Lusa

  • Catalunha vs Espanha
    29:35

    Grande Reportagem SIC

    2017 ficará como o ano da Catalunha e de como a região espanhola foi falada em todo o mundo, por causa do grito de independência que não aconteceu. O jornalista Henrique Cymerman esteve na Catalunha e foi um dos poucos repórteres do mundo que conseguiu chegar ao esconderijo do presidente demissionário do Governo catalão, Carles Puigdemont, em Bruxelas.

  • Pensões vão subir em janeiro

    Economia

    As pensões vão subir entre 1 e 1,8% em janeiro próximo. O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou esta quinta-feira o valor da inflação, que vai definir a atualização das reformas em 2018.

  • Investigação australiana recomenda fim do celibato na Igreja Católica

    Mundo

    Uma investigação australiana sobre abuso sexual de crianças recomendou hoje à Igreja Católica que levante a exigência de celibato ao clero, de acordo com o relatório final. O mesmo documento, com 189 recomendações e 17 volumes, indicou que deve também ser esclarecido até onde vai o segredo da confissão quando estão em causa provas de crimes contra menores.

  • Trabalhos de estabilização de solos nas áreas ardidas começam na Lousã
    1:24

    País

    Vários concelhos afetados pelos incêndios estão a começar a receber uma intervenção de emergência para estabilizar os solos nas áreas ardidas. O trabalho arrancou esta quinta-feira na zona da Lousã e tem como objetivo reduzir o impacto da chuva nos terrenos afetados pelos fogos. Nos trabalhos, estão presentes o Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro e a Força Especial de Bombeiros.

  • Anúncio de lince ibérico no OLX sob investigação
    1:25

    País

    A GNR está a investigar um anúncio de venda de um lince ibérico no site de classificados OLX. As autoridades admitem poder tratar-se de uma bricandeira, mas sendo o lince uma espécie protegida e a sua captura e venda um crime, o caso está a ser investigado. O anúncio foi entretanto retirado do site.