sicnot

Perfil

País

Governo aprova carta de condução por pontos

Governo aprova carta de condução por pontos

O Governo aprovou hoje em Conselho de Ministros o novo regime da carta de condução. As contraordenações graves e muito graves vão descontar pontos nas cartas de cada condutor, mas é possível recuperá-los caso se esteja três anos sem cometer qualquer infração grave. O novo regime deverá entrar em vigor em junho do próximo ano como explicou esta tarde o secretário de Estado da Administração Interna.

  • Governo quer mesmo avançar com a carta de condução por pontos
    0:45

    País

    O Governo quer mesmo avançar com o sistema da carta de condução por pontos. Ou seja, a cada infração são atribuídos pontos, que, uma vez acumulados, podem resultar na inibição de conduzir ou na cassação do título. Em entrevista à Antena1 e ao Diário Económico, o secretário de Estado da Administração Interna explicou as vantagens do sistema.

  • Governo vai introduzir carta de condução por pontos

    País

    O Governo vai avançar com a introdução da carta de condução por pontos, sistema que substituirá o atual regime das multas e da cassação do título. Segundo dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), quase 12 mil condutores estão em risco de ficar sem carta de condução, caso cometem mais uma contraordenação grave ou muito grave.

  • As vantagens de comprar online
    8:03
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Filho de Trump critica mayor de Londres por palavras de 2016

    Ataque em Londres

    Donald Trump Júnior criticou o presidente da Câmara de Londres logo a seguir ao ataque de quarta-feira que fez três mortos e mais de 40 feridos. O filho de Presidente publicou no Twitter uma reação a uma declaração de Sadiq Khan de setembro de 2016. Para o Presidente dos EUA, o ataque em Londres é "uma grande notícia".

  • Marcelo reuniu-se com líderes europeus para falar do futuro da UE
    2:31

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta quarta-feira em Bruxelas e participou numa homenagem às vítimas do atentado em Bruxelas, onde colocou uma coroa de flores junto ao monumento.O Presidente da República esteve também reunido com os líderes das principais instituições europeias para falar sobre o futuro da UE.