sicnot

Perfil

País

Redução da TSU e contrato único de trabalho questionados por dirigentes do PS

Redução da TSU e contrato único de trabalho questionados por dirigentes do PS

A redução da TSU e a introdução de um contrato único de trabalho voltaram a ser postas em causa pelos dirigentes do Partido Socialista durante a reunião da Comissão Política Nacional do PS, em Lisboa. António Costa ouviu as críticas e admitiu durante a reunião que é necessária uma discussão mais focada sobre matérias mais controversas do projeto de programa eleitoral para as próximas eleições legislativas.

  • PS diz que propostas continuam abertas a debate público
    1:35

    País

    A Comissão Política do PS discute, esta noite, as propostas do programa de governo. Esta tarde, foi apresentado o projeto desse programa. À chegada à reunião desta noite, o coordenador João Tiago Silveira disse que são sugestões que continuam em aberto para discussão pública.

  • Costa defende que programa do PS não é de facilitismo
    2:20

    Economia

    António Costa diz que o programa de governo do PS não é um programa do facilitismo e que cumprirá todos os compromissos a que Portugal está sujeito na Europa. A versão definitiva do programa será só apresentada em junho, mas o documento admite uma descida da TSU das empresas, apenas quando estiverem garantidas as fontes de financiamento, e é omisso em relação à descida da Taxa Social Única para os trabalhadores.

  • PS quer aumentar rendimento das famílias
    1:26

    Economia

    O PS promete, caso seja eleito governo, fazer crescer o rendimento das famílias. Nas 21 propostas de programa de governo, o Partido Socialista compromete-se a aumentar abonos e repor complemetos para combater a pobreza. A descida da TSU dos trabalhadores não aparece na lista, mas o PS garante que faz parte do plano.

  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • Esquerda contra a venda do Novo Banco
    1:51

    Economia

    O futuro do Novo Banco promete agitar a maioria de esquerda nas próximas semanas. O Bloco de Esquerda e o PCP estão contra os planos de privatização e insistem que a solução é nacionalizar o banco. O Bloco de Esquerda defende que privatizar 75% é o pior de dois mundos. Já o PCP diz que o banco deve ser integrado no setor público.

  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32

    País

    Há cada vez mais homens e idosos a pedirem ajuda à Associação Portuguesa de Apoio à Vítima. Segundo o relatório anual da APAV conhecido esta segunda-feira, foram identificadas quase 10 mil vítimas de violência no ano passado. Cerca de 80% são mulheres casadas e com cerca de 50 anos.