sicnot

Perfil

País

Coligação garante que reformas da Segurança Social serão feitas "por consenso"

A coligação PSD/CDS-PP comprometeu-se hoje numa "carta de garantias" a respeitar a jurisprudência do Tribunal Constitucional em futuras reformas da Segurança Social feitas "por consenso", sem avançar medidas concretas.

Esta proposta e a devolução de IVA às Instituições Particulares de Solidariedade Social são duas das alterações que a coligação no Governo pretende introduzir no Orçamento do Estado para o próximo ano. (Arquivo)

Esta proposta e a devolução de IVA às Instituições Particulares de Solidariedade Social são duas das alterações que a coligação no Governo pretende introduzir no Orçamento do Estado para o próximo ano. (Arquivo)

© Hugo Correia / Reuters

Numa "carta de garantias" com nove pontos hoje divulgada, PSD e CDS-PP incluem a garantia de "que as reformas na Segurança Social serão feitas por consenso e respeitarão a jurisprudência do Tribunal Constitucional". 

O lançamento de "um novo programa ambicioso de redução da pobreza" é outro dos compromissos incluídos neste capítulo do documento.

Lusa
  • Seca agrava prejuízos agrícolas no Alentejo
    2:11
  • Al Gore e Garry Kasparov vão estar na Web Summit

    Web Summit

    Al Gore, antigo vice-Presidente dos Estados Unidos da América, Garry Kasparov, lendário jogador de xadrez, e Steve Huffman, o dirigente e cofundador da rede social Reddit são os novos nomes anunciados para a 2.ª Web Summit em Lisboa.

  • Estudantes universitários poderiam estar a pagar propinas mais baixas
    2:02

    País

    Os alunos universtários poderiam estar a pagar propinas mais baixas do que pagam atualmente. A situação foi denunciada pela Federação Académica do Porto, que diz que os estudantes estão a pagar cerca de 100 euros a mais do que deviam. O INE admite, num documento enviado ao Governo, que pode existir um método melhor para o cálculo destes valores.