sicnot

Perfil

País

Ministério Público pede 13 a 14 anos de prisão para professor acusado de abuso sexual de menores

O Ministério Público pediu hoje, no Tribunal de Penafiel, uma pena de prisão entre 13 e 14 anos para um professor acusado de 439 crimes de abuso sexual de nove crianças, disse à Lusa fonte judicial.

(Arquivo)

(Arquivo)

Nas alegações finais do julgamento que decorre à porta fechada, a defesa do arguido pediu que se fizesse justiça face à prova produzida em audiência de julgamento.

Os assistentes que representam algumas das crianças alegadamente vítimas de abuso sexual acompanharam o Ministério Público nas alegações e na medida da pena.

O acórdão, que resultará de um tribunal de júri constituído a pedido da defesa, está marcado para o dia 26 de junho, às 14:00.

Segundo a acusação do Ministério Público, o suspeito, de 36 anos, desenvolveu, pelo menos desde os 18 anos, uma "forte atração sexual" por crianças do sexo masculino, com idades entre os 7 e os 12 anos.

O arguido encontra-se em prisão preventiva no Estabelecimento Prisional do Porto.








Lusa
  • Catalunha vs Espanha
    29:35

    Grande Reportagem SIC

    2017 ficará como o ano da Catalunha e de como a região espanhola foi falada em todo o mundo, por causa do grito de independência que não aconteceu. O jornalista Henrique Cymerman esteve na Catalunha e foi um dos poucos repórteres do mundo que conseguiu chegar ao esconderijo do presidente demissionário do Governo catalão, Carles Puigdemont, em Bruxelas.