sicnot

Perfil

País

GNR fiscaliza por todo o país condução sob efeito do álcool e drogas

A GNR revelou hoje que está a realizar em todo o país uma operação de fiscalização à condução sob o efeito do álcool e de substâncias psicotrópicas, estando mobilizados para esta ação 5.500 militares.

(SIC/ Arquivo)

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana adianta que durante a operação, que teve início na segunda-feira e termina no domingo, os 5.500 militares da Unidade Nacional de Trânsito, da Unidade de Intervenção e dos comandos territoriais vão realizar 2.539 ações de fiscalização.

Segundo a GNR, as ações vão estar direcionadas para as vias onde as infrações por excesso de álcool e por consumo de substâncias psicotrópicas são mais frequentes.

   Em 2014, 26,6 por cento das vítimas mortais registadas nas estradas tinha uma Taxa de Álcool no Sangue (TAS) superior ao máximo permitido por lei e, desse universo, cerca de 80 por cento apresentava uma TAS que já configura crime (igual ou superior a 1.20 gramas por litro), refere a corporação.

Face a esta realidade, a GNR sublinha que tem intensificado as ações de fiscalização ao álcool e às drogas no sentido de prevenir os acidentes de viação associados a estas substâncias.  

Lusa
  • As vantagens de comprar online
    8:03
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Filho de Trump critica mayor de Londres por palavras de 2016

    Ataque em Londres

    Donald Trump Júnior criticou o presidente da Câmara de Londres logo a seguir ao ataque de quarta-feira que fez três mortos e mais de 40 feridos. O filho de Presidente publicou no Twitter uma reação a uma declaração de Sadiq Khan de setembro de 2016. Para o Presidente dos EUA, o ataque em Londres é "uma grande notícia".

  • Marcelo reuniu-se com líderes europeus para falar do futuro da UE
    2:31

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta quarta-feira em Bruxelas e participou numa homenagem às vítimas do atentado em Bruxelas, onde colocou uma coroa de flores junto ao monumento.O Presidente da República esteve também reunido com os líderes das principais instituições europeias para falar sobre o futuro da UE.