sicnot

Perfil

País

Autarca de Gaia garante que tudo fará para manter fábrica da Barbot no mesmo local

Autarca de Gaia garante que tudo fará para manter fábrica da Barbot no mesmo local

O presidente da Câmara de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, diz que a autarquia tudo fará para ajudar a manter a fábrica de tintas Barbot, que foi alvo de um incêndio, no mesmo local.

  • Chamas consomem fábrica de tintas em freguesia populosa de Gaia
    2:19

    País

    Um incêndio industrial está a consumir as instalações da fábrica de tintas Barbot, em Vila Nova de Gaia. As chamas terão começado no armazém da fábrica, na rua da Palmeira, em Mafamude, uma das freguesias mais populosas de Gaia. O alerta foi dado por volta das 16:30. No combate às chamas, estão os Bombeiros Sapadores de Gaia e os Bombeiros Voluntários de Coimbrões, com 71 elementos e 23 veículos de ataque e apoio. As autoridades estão a pedir aos moradores que abandonem o local. Quatro prédios de habitação, que ficam junto à fábrica, já foram evacuados.

  • Dezenas de moradores foram retirados de casa durante incêndio em Gaia
    0:34

    País

    Dezenas de moradores tiveram de ser retirados de casa, durante o incêndio que deflagrou este sábado nas instalações da fábrica de tintas Barbot, em Gaia. Noutros casos, a eletricidade foi cortada por precaução. Quem vive paredes meias com a fábrica, como é o caso de Manuel Soares, relata os momentos iniciais do incêndio.

  • "Ainda falta muito em termos de estudo"
    3:51

    Opinião

    Uma equipa internacional de astrónomos, detetou, fora do Sistema Solar, sete planetas semelhantes à Terra, onde a água poderá existir em estado líquido. O anúncio foi feito esta quarta-feira pela NASA. Pedro Machado, do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço, esteve na Edição da Tarde para falar sobre esta descoberta.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.