sicnot

Perfil

País

Libertados suspeitos de fraude ao SNS que estavam em prisão preventiva

Foram libertados todos os arguidos detidos preventivamente no âmbito da operação Prescrição de Risco, à exceção do ex-proprietário da Farmácia de Santa Maria, que passa de prisão preventiva para domiciliária.

Quatro médicos, três delegados de informação médica e três farmacêuticos estão nesta altura a ser julgados, acusados de burlar o Estado através de receitas falsas de medicamentos que não eram levantados mas que o Estado comparticipava na totalidade.

O esquema fraudulento terá lesado o Estado em cerca de 3 milhões de euros entre 2011 e 2013. Segundo a acusação, os clínicos terão passado mais de cem mil receitas que eram falsamente aviadas por delegados de informação médica em duas farmácias. Um desses delegados é um dos principais arguidos do processo e em tribunal assumiu quase todos os crimes de que é acusado.

Em causa estão os crimes de burla qualificada, corrupção activa e falsificação de documentos.
  • Lixo, para que te quero?
    23:17
  • Tuk-tuk em protesto oferecem hoje passeios gratuitos em Lisboa

    País

    A Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos (APECATE) promove hoje a iniciativa "Cá vai Lisboa", com passeios gratuitos de tuk-tuk, para alertar a população para a "problemática" regulamentação municipal deste tipo de veículos.

  • Ricardo Robles apresentado como candidato do BE a Lisboa
    1:31

    Autárquicas 2017

    Ricardo Robles foi formalmente apresentado este sábado como candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Lisboa. No encerramento da convenção autárquica do partido, Catarina Martins fez críticas ao Governo, dizendo que o projeto de descentralização do Executivo é perigoso e ameaça a democracia.

  • Pavilhão Carlos Lopes esteve encerrado durante 14 anos
    2:27