sicnot

Perfil

País

Mulher atropelada foi assistida debaixo de um autocarro junto à estação do Colégio Militar

Uma mulher ficou hoje gravemente ferida ao ser atropelada por um autocarro junto à estação do Colégio Militar/Luz, em Lisboa, tendo estado algum tempo debaixo da viatura a ser assistida por elementos do INEM e bombeiros.

ANT\303\223NIO COTRIM

O acidente registou-se cerca das 21:00, perto de uma passadeira para peões, tendo a transeunte, já idosa, sido atropelada por um autocarro da empresa Lisboa Transportes (LT), que efetuava o percurso Colégio Militar-Casal Cambra.

Segundo disse à agência Lusa uma testemunha que viajava no interior do autocarro, este circulava a velocidade moderada, até porque tinha acabado de iniciar viagem.

A mesma testemunha disse que a roda dianteira do autocarro passou por cima da mulher, que ficou durante algum tempo debaixo da viatura, junto à porta de saída dos passageiros.

No local estiveram vários elementos do INEM, que prestaram assistência à vítima quando esta ainda estava debaixo do autocarro, bem como do Regimento Sapadores Bombeiros (RSB) de Lisboa e da PSP.

A mulher apresentava fraturas expostas nas pernas, tendo sido encaminhada pelo INEM para um hospital.

Lusa
  • Rui Santos revela novos e-mails que envolvem o Benfica
    1:52

    Desporto

    No programa da SIC Notícias Tempo Extra, Rui Santos revelou esta terça-feira que um blogue associado ao Benfica partilhou informação privilegiada da APAF (Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol) com várias figuras do clube da Luz.

  • O último adeus às vítimas da tragédia de Vila Nova da Rainha
    1:37

    País

    As cerimónias fúnebres das oito vítimas mortais do incêndio na Associação de Vila Nova da Rainha realizaram-se esta terça-feira. Três delas ocorreram em simultâneo na povoação do concelho de Tondela que, no passado sábado, viu a tragédia bater-lhe à porta.

  • Fóssil humano mais antigo encontrado em Portugal entregue ao Museu de Arqueologia
    3:42

    País

    O mais antigo fóssil humano até hoje encontrado em Portugal, o "Crânio da Aroeira", foi entregue no Museu Nacional de Arqueologia, em Lisboa. Em 2014, o fóssil foi encontrado pela equipa do arqueólogo João Zilhão perto de Torres Novas e foi restaurado e estudado na Universidade Complutense de Madrid, durante dois anos e meio.

  • De "lambe rabos" a "labrego", a polémica entre Rodolfo Reis e Bruno de Carvalho
    1:30
  • O Futuro Hoje na maior feira eletrónica de consumo do mundo
    5:14