sicnot

Perfil

País

Guardas prisionais em greve de três dias às diligências no exterior

O Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional (SNCGP) inicia hoje uma greve de três dias às diligências no exterior, paralisação que vai afetar as saídas dos reclusos para os tribunais e consultas de saúde não urgentes.

Para o fim de semana, o sindicato tem marcado uma greve total, sendo apenas assegurados os serviços mínimos, segundo o presidente do SNCGP, Jorge Alves.

Trata-se do sexto período de greve que os guardas prisionais realizam desde março, no âmbito dos protestos para exigir a aplicação do estatuto profissional aprovado há mais de um ano, mas que ainda não foi aplicado.

Em causa está a regulamentação do horário de trabalho, progressões nas carreiras, aprovação dos novos níveis remuneratórios e pagamento do subsídio de turno para quem faz noites, questões previstas no estatuto profissional aprovado há mais de um ano, mas que ainda não foi aplicado. 

Na terça-feira, o SNCGP organizou uma vigília junto à residência do primeiro-ministro, onde pediram uma intervenção de Pedro Passos Coelho, devido à "enorme falta de vontade" dos ministérios da Justiça e da Finanças para resolverem os problemas da classe e do sistema prisional.

Segundo Jorge Alves, atualmente existem cerca de 4.000 guardas prisionais para um universo de mais de 14.000 reclusos e há um aumento da violência entre presos.



Lusa

  • Sindicato dos guardas prisionais exige que Governo cumpra lei
    1:14

    País

    Os guardas prisionais realizaram hoje uma vigília junto à residência do primeiro-ministro, em Lisboa, em protesto contra as atuais condições de trabalho. O sindicato acusa o Governo de não querer cumprir a lei - tanto na tabela remuneratória como no estatuto da carreira, aprovado há mais de um ano mas que não sai do papel.

  • Guardas prisionais ameaçados por não atenderem os telefones de serviço
    2:03

    País

    Os guardas prisionais dizem que receberam ameaças disciplinares se não atenderem os telefones de serviço. Hoje foram entregar os telemóveis à ministra da Justiça. No entanto, o Ministério da Justiça recusou receber os aparelhos dos guardas que dirigem as prisões em Portugal. Sem alternativa, os telefones foram entregues na Direção-Geral dos Serviços Prisionais.

  • Ministra anuncia admissão de 400 guardas prisionais
    0:43

    País

    As chefias dos estabelecimentos prisionais entregam hoje no Ministério da Justiça os telemóveis de serviço. Um gesto simbólico para contestar as condições de trabalho a que estão sujeitos. Os guardas lembram que o estatuto profissional foi aprovado há mais de um ano, mas continua por regulamentar. A ministra da Justiça recomenda aos chefes das cadeias que aguardem "com tranquilidade" porque está em curso um concurso para a admissão de 400 novos guardas prisionais.

  • Explosão próximo do aeroporto de Damasco

    Mundo

    A televisão do movimento xiita libanês Hezbollah, aliado do regime sírio, noticiou hoje que a explosão ocorrida esta madrugada perto do aeroporto de Damasco "foi provavelmente" resultado de um ataque israelita contra depósitos de combustível.

    Em atualização

  • Será que lavar em lavandarias self-service compensa?
    8:21
  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Macron e Le Pen em troca de acusações
    2:16

    Eleições França 2017

    A campanha eleitoral para a segunda volta em França ficou esta quarta-feira marcada por uma troca de acusações entre os dois candidatos. De visita a uma fábrica em risco de encerramento, Le Pen prometeu que se for eleita salvará os 300 postos de trabalho. Emmanuel Macron acusou a candidata da extrema-direita de aproveitamento político.

  • Os filhos do divórcio
    20:50
  • Carro que atropelou adepto encontrado na casa de um amigo do suspeito
    2:18

    Desporto

    O carro que terá atropelado o adepto italiano que morreu junto ao Estádio da Luz foi encontrado esta terça-feira, numa garagem na Amadora, na casa de um amigo do suspeito. Trata-se de um homem na casa dos 30 anos que pertence à claque No Name boys e é agora procurado pela Polícia Judiciária.

  • "Esta moda bizarra de não vacinar crianças tem tido estas consequências"
    1:43

    Surto de sarampo

    Há mais um caso de sarampo registado pela Direção-Geral da Saúde, no total já são 25. Francisco George garantiu que a situação não é preocupante para as crianças em idade escolar e recomendou uma discussão parlamentar sobre a vacinação. Mais de 11 mil pessoas já assinaram uma petição pública a defender a vacinação obrigatória. 

  • Web Summit inaugura primeiro escritório fora da Irlanda em Lisboa
    1:58

    Web Summit

    A Web Summit inaugurou em Lisboa o primeiro escritório fora da Irlanda, que vai dar emprego a 20 pessoas, algumas portuguesas. O próximo objectivo é alargar eventos a outros pontos do país. A conferência internacional regressa a Lisboa entre 6 e 9 de novembro e a organização espera ter 60 mil participantes.