sicnot

Perfil

País

Guardas prisionais em greve de três dias às diligências no exterior

O Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional (SNCGP) inicia hoje uma greve de três dias às diligências no exterior, paralisação que vai afetar as saídas dos reclusos para os tribunais e consultas de saúde não urgentes.

Para o fim de semana, o sindicato tem marcado uma greve total, sendo apenas assegurados os serviços mínimos, segundo o presidente do SNCGP, Jorge Alves.

Trata-se do sexto período de greve que os guardas prisionais realizam desde março, no âmbito dos protestos para exigir a aplicação do estatuto profissional aprovado há mais de um ano, mas que ainda não foi aplicado.

Em causa está a regulamentação do horário de trabalho, progressões nas carreiras, aprovação dos novos níveis remuneratórios e pagamento do subsídio de turno para quem faz noites, questões previstas no estatuto profissional aprovado há mais de um ano, mas que ainda não foi aplicado. 

Na terça-feira, o SNCGP organizou uma vigília junto à residência do primeiro-ministro, onde pediram uma intervenção de Pedro Passos Coelho, devido à "enorme falta de vontade" dos ministérios da Justiça e da Finanças para resolverem os problemas da classe e do sistema prisional.

Segundo Jorge Alves, atualmente existem cerca de 4.000 guardas prisionais para um universo de mais de 14.000 reclusos e há um aumento da violência entre presos.



Lusa

  • Sindicato dos guardas prisionais exige que Governo cumpra lei
    1:14

    País

    Os guardas prisionais realizaram hoje uma vigília junto à residência do primeiro-ministro, em Lisboa, em protesto contra as atuais condições de trabalho. O sindicato acusa o Governo de não querer cumprir a lei - tanto na tabela remuneratória como no estatuto da carreira, aprovado há mais de um ano mas que não sai do papel.

  • Guardas prisionais ameaçados por não atenderem os telefones de serviço
    2:03

    País

    Os guardas prisionais dizem que receberam ameaças disciplinares se não atenderem os telefones de serviço. Hoje foram entregar os telemóveis à ministra da Justiça. No entanto, o Ministério da Justiça recusou receber os aparelhos dos guardas que dirigem as prisões em Portugal. Sem alternativa, os telefones foram entregues na Direção-Geral dos Serviços Prisionais.

  • Ministra anuncia admissão de 400 guardas prisionais
    0:43

    País

    As chefias dos estabelecimentos prisionais entregam hoje no Ministério da Justiça os telemóveis de serviço. Um gesto simbólico para contestar as condições de trabalho a que estão sujeitos. Os guardas lembram que o estatuto profissional foi aprovado há mais de um ano, mas continua por regulamentar. A ministra da Justiça recomenda aos chefes das cadeias que aguardem "com tranquilidade" porque está em curso um concurso para a admissão de 400 novos guardas prisionais.

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

    Em desenvolvimento

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lages
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes. Os passageiros desembarcaram, como registou no Twiiter um jornalista da Al-Jazzera que seguia a bordo. Segundo este depoimento, uma pessoa foi levada para o hospital com problemas cardíacos.

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.