sicnot

Perfil

País

Médicos do IPO do Porto em greve por não terem descanso

Os médicos do IPO do Porto iniciam hoje dois dias de greve, convocada pelo Sindicato dos Médicos do Norte.

A distinção, disse fonte do IPO à Lusa, é uma garantia de que os serviços prestados estão de acordo com os protocolos da ESMO. (Arquivo)

A distinção, disse fonte do IPO à Lusa, é uma garantia de que os serviços prestados estão de acordo com os protocolos da ESMO. (Arquivo)

SIC

De acordo com o sindicato, os clínicos estão impedidos de cumprir o descanso compensatório, depois do trabalho noturno e acabam por trabalhar plo menos 30 horas seguidas. 

A paralisação é apoiada pela Ordem dos Médicos do Norte que acusa a administração de desrespeitar a lei. 

O Insitituto Português de Oncologia do Porto considera a greve "inoportuna e injustificada" e diz que a legislação coincide com a interpretação e pontos de vista dos serviços do IPO.
  • Governo vai avaliar situação da associação Raríssimas
    1:41

    País

    O Governo promete avaliar a situação da instituição Raríssimas e agir em conformidade, depois da denúncia de alegadas irregularidades na gestão financeira. A presidente da instituição terá usado dinheiro da Raríssimas para gastos pessoais como vestidos de alta-costura e alimentação. Esta é uma instituição que apoia doentes e famílias que convivem de perto com doenças raras. 

  • Diáconos permanentes: quem são e que cargo ocupam na comunidade católica
    10:04
  • Múmia quase intacta descoberta em Luxor
    1:23

    Mundo

    O Egito anunciou, este sábado, a descoberta de dois pequenos túmulos com 3.500 anos na cidade de Luxor. Foram também encontrados uma múmia em bom estado de conservação, uma estátua do deus Ámon Ra e centenas de artefactos de madeira e cerâmica ou pinturas intactas.