sicnot

Perfil

País

Plataforma Sindical espera milhares de professores em manifestação no sábado

Milhares de professores, educadores e investigadores são esperados para a manifestação promovida no sábado em Lisboa pela Plataforma Sindical integrada pela FENPROF, contra o desgaste a que estão sujeitos os docentes e a municipalização da educação.

Lusa

 Os professores tencionam exigir a aposentação ao fim de 36 anos de serviço, defendendo tratar-se de uma profissão de grande desgaste ao nível físico e psicológico, agravada nos últimos anos com a saída de dezenas de docentes do sistema, devido às aposentações e rescisões.

"O desgaste é brutal, dizer que há mais 4.000 professores nos quadros é uma farsa. Nestes quatro anos saíram 24.000 professores, essencialmente por aposentação, e reduziram 20.000 professores contratados", disse à agência Lusa o secretário-geral da Federação Nacional dos Professores (FENPROF), a organização mais representativa da plataforma, integrada por outras sete organizações sindicais.

A municipalização da educação será o outro grande ponto de contestação nesta iniciativa, com os sindicatos a exigirem a suspensão do processo de transferência de competências para as autarquias neste setor.

"Não somos contra a descentralização e a autonomia das escolas, mas entendemos que em fim de legislatura, o governo não tem legitimidade para determinar um processo de quatro anos", afirmou o dirigente da FENPROF.

Os professores vão concentrar-se na rotunda do Marquês de Pombal e descer a avenida da Liberdade até aos Restauradores, encurtando o percurso inicialmente pensado, devido a outras atividades programadas para o Rossio, no âmbito das festas de Lisboa.

Outras reivindicações estarão presentes no protesto, ao nível dos horários e condições de trabalho, o direito ao emprego e a carreira.

Lusa
  • Fenprof entrega mais documentos para juntar à queixa contra o Instituto de Avaliação Educativa
    0:24

    País

    A Fenprof entregou, esta tarde na Polícia Judiciária, mais documentos para juntar à queixa que fez contra o Instituto de Avaliação Educativa, o organismo do ministério da educação que coordena as provas de inglês do nono ano. Mário Nogueira entregou correio eletrónico recebido por alguns professores, nos quais lhes seriam oferecidos descontos numa livraria em troca da publicidade feita a manuais de preparação para os exames. Os documentos irão juntar-se ao inquérito que corre na Unidade Nacional de Combate à Corrupção da Judiciária.Em causa estão suspeitas de irregularidades participadas pela Fenprof, na parceria entre o instituto de Avaliação Educativa e quatro empresas, parceiras nos exames de inglês do Cambridge.

  • Fenprof acusa Crato de denegrir professores
    0:23

    País

    A Federação Nacional de Professores acusa o Governo de usar a prova de avaliação para denegrir os professores. O secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, diz que o ministério nada faz em relação às deficiências na formação docente.

  • Lei existe há quatro anos mas não tem regulamentação
    2:03
  • Denúncia de maus tratos a cães no canil municipal de Elvas
    2:24

    País

    O Grupo de Intervenção e Resgate Animal denunciou nas redes sociais alegados maus tratos a animais no canil municipal de Elvas. As imagens mostram uma cadela com uma corda ao pescoço. A autarquia abriu um inquérito para averiguar o caso, suspendendo também o trabalho dos voluntários no canil.

  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Ovibeja aposta este ano na internacionalização da agricultura
    2:07

    País

    A Ovibeja começou esta quinta-feira e este ano aposta na internacionalização dos produtos agrícolas do Alentejo. Centenas de expositores esgotam o certame, que é uma monstra da agricultura portuguesa. António Costa, na sexta-feira, e Marcelo Rebelo de Sousa, no sábado, são alguns dos políticos com a presença marcada em Beja.

  • Estados Unidos vão reforçar as sanções à Coreia do Norte
    1:31

    Mundo

    Washington pretende também investir nos esforços diplomáticos para que Pyongyang ponha fim aos programas nucleares e de mísseis. A nova estratégia de Donald Trump foi anunciada quarta-feira à noite. A força aérea norte-americana testou esta quarta-feira um míssil de longo-alcance que percorreu 6800 quilómetros sobre o Pacífico a partir de uma base na Califórnia.

  • Le Pen vai à pesca
    0:35

    Eleições França 2017

    Marine Le Pen, candida à presidência de França fez esta quinta-feira uma "pausa" na campanha eleitoral e aproveitou para ir à pesca. A candidata navegou num barco de pesca no Mediterrâneo.