sicnot

Perfil

País

GNR deteta 41 infrações em transporte de crianças

 A GNR detetou, em 11 dias, 41 infrações por falta de cinto de segurança ou de cadeirinhas em autocarros que transportam crianças durante o verão para a praia, indicou hoje a corporação. 

(SIC/ Arquivo)

Em comunicado, para fazer o balanço da operação "tempos livres", a decorrer até 31 de julho, a GNR refere que, entre 08 e 18 de junho, foram fiscalizadas 1.505 viaturas de transporte de crianças, tendo sido detetadas 41 infrações por falta de uso de cinto de segurança ou de cadeirinhas.

A Guarda Nacional Republicana intensifica, até dia 31 de julho, a fiscalização aos transportes coletivos de criança que, nesta altura do ano, se deslocam para os locais de veraneio. 

As ações de fiscalização, levadas a cabo por militares da Unidade Nacional de Trânsito e dos diversos comandos territoriais, são direcionadas para os itinerários de acesso às praias, incidindo sobretudo na verificação das condições específicas requeridas para estes veículos e para o uso dos sistemas de retenção por parte das crianças durante o seu transporte.


  • GNR fiscaliza transporte coletivo de crianças
    2:33

    País

    Até ao final do próximo mês a GNR vai estar nas estradas para fiscalizar o transporte coletivo de crianças , sobretudo nos itenerários de acesso às praias . Esta manhã vários pesados de passageiros foram inspecionados à entrada da Costa da Caparica e é de salientar o respeito pelas normas.

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Opinião

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Pj ainda não fez detenções relacionadas com atropelamento de adepto italiano
    1:52

    Desporto

    As autoridades policiais confirmaram à SIC que o atropelamento que fez este sábado uma vítima mortal, junto ao Estádio da Luz, não terá sido acidental. A Policia Judiciária já saberá quem foi o autor do atropelamento. O homem faria parte do grupo de adeptos do Benfica, que se envolveram em confrontos com adeptos do Sporting.