sicnot

Perfil

País

Motorista do autocarro acidentado na A2 transferido para o Hospital de Loures

O motorista do autocarro acidentado na Autoestrada do Sul (A2), que se encontrava hoje ainda em observação no Hospital de Beja, foi transferido, por volta das 12:00, para o Hospital de Loures, revelou fonte hospitalar.

Lusa



"Por volta das 12:00, o motorista foi transferido, de ambulância, para o Hospital de Loures", que é a unidade "da sua área de residência", disse à agência Lusa fonte da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA).

O homem, de 51 anos, foi um dos 11 feridos ligeiros que deram entrada em unidades de Saúde da ULSBA, em resultado do capotamento de um autocarro ocorrido, cerca das 18:35 de sexta-feira, na A2, na zona de Gomes Aires, concelho de Almodôvar.

 O acidente provocou, no total, três vítimas mortais (duas mulheres e um homem), transportadas para o serviço de Medicina Legal do Hospital de Beja, e 17 feridos.

Os feridos que não deram entrada no Hospital de Beja ou no serviço de urgência básica do centro de Saúde de Castro Verde foram transportados para unidades no Algarve, nomeadamente para o Hospital de Faro e para a urgência básica de Albufeira.

Dos cinco feridos internados no Algarve, três já tiveram alta e uma mulher foi transferida para um hospital de Lisboa, disse hoje à Lusa fonte do Centro Hospitalar da região.

Ao início da manhã de hoje, fonte da ULSBA já tinha dito à Lusa que o motorista do autocarro, entretanto transferido, era o único ferido do acidente ainda em observação no Baixo Alentejo, mas que se encontrava "estável".

Quanto aos outros feridos em unidades da área da ULSBA, três deles já haviam sido transferidos, "um para Loures, para a área de residência, e dois para hospitais de Lisboa (S. José e Santa Maria), para os serviços de cirurgia plástica", e aos restantes sete tinha sido dada alta.

O autocarro, pertencente à transportadora Barraqueiro, mas que circulava ao serviço da Renex, numa linha regular, transportava 20 pessoas.

 "Nos passageiros havia um de nacionalidade estrangeira que é paquistanês. Todos os restantes passageiros são portugueses", disse à Lusa, na sexta-feira, o tenente-coronel João Nunes, do comando da GNR.

A circulação no sentido sul-norte da A2 na zona do acidente foi reaberta às 00:03 de hoje, segundo a Guarda.

Para o local do acidente, foram mobilizados 132 operacionais, apoiados por 53 veículos, de várias corporações de bombeiros, da GNR, da concessionária Brisa e do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

Um helicóptero do INEM que tinha sido incluído no plano de socorro não chegou a ser utilizado.

O condutor do autocarro não acusou quaisquer substâncias no sangue, incluindo álcool, disse também à Lusa o tenente-coronel João Nunes.






Lusa
  • Vem lá chuva

    País

    A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e pelo menos até domingo, enquanto as temperaturas mínimas deverão subir.

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Violação emitida em direto no Facebook

    Mundo

    Três homens foram detidos na Suécia, por suspeitas de violação de uma mulher, num apartamento a 70 quilómetros da capital. Os suspeitos filmaram o ato de violência e exibiram-no em direto no Facebook.

  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.