sicnot

Perfil

País

Levantada interdição de banhos na praia da Figueirinha, em Setúbal

A interdição de banhos na praia da Figueirinha, em Setúbal, foi hoje levantada, depois de a contra análise à qualidade da água ter apresentado valores considerados normais, disse à agência Lusa a Polícia Marítima (PM).

Segundo a PM, o capitão do porto de Setúbal, Luís Jiménez, ordenou, cerca das 15:30, a notificação dos quatro concessionários da praia do levantamento da proibição de banhos de mar.

A decisão de levantar a interdição surgiu após a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) ter notificado a Capitania do porto e a Câmara Municipal de Setúbal de que a contra análise "apresentava valores normais" e inferiores àqueles que determinaram o hastear da bandeira vermelha cerca das 11:00 de sexta-feira.

A praia da Figueirinha, em Setúbal, estava interdita a banhos desde sexta-feira, depois de o capitão do porto de Setúbal ter sido alertado pela APA para a presença da bactéria `E.coli´ nas últimas análises à qualidade da águia.

Na ocasião, a APA explicou que "a causa deste episódio poderia estar associada a uma eventual descarga pontual, localizada no mar".

A praia da Figueirinha, a única do concelho de Setúbal a candidatar-se este ano à atribuição da bandeira azul, que regista uma grande afluência durante o verão, apresentou este fim de semana um cenário pouco habitual, com pouca gente no areal e muitos lugares vagos para estacionamento. 









Lusa
  • Madonna diz que América nunca desceu tão baixo
    2:12

    Mundo

    No mundo artístico, foram várias as vozes que se levantaram contra Trump, entre elas Madonna. A cantora disse esta quinta-feira em Nova Iorque, a propósito do dia da tomada de posse, que nunca a América desceu tão baixo. Já o ator Matthew McConaughey - que está em Londres - garantiu que não ia perder a cerimónia pela televisão.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Videoclipe mostra mulheres a fazer tudo o que é proibido na Arábia Saudita
    1:55

    Mundo

    Um grupo de mulheres canta, dança e faz outras coisas proibidas na Arábia Saudita como forma de protesto. O vídeo é uma crítica social à forma como as mulheres islâmicas são tratadas pelos maridos. Na letra constam frases como "Faz com que os homens desapareçam da terra" e "Eles provocam-nos doenças psicológicas". A ideia partiu de um homem, Majed al-Esa e já conta com 5 milhões de visualizações.

    Patrícia Almeida